Carregando...

Turismo

Imagem: Valéria Rolim / CTUR

Curitiba – a Capital Ecológica do Brasil

A capital paranaense surpreende pela diversidade de atrativos e ótima gastronomia

Entretenimento

Cristiano Lopes

Bacharel em Turismo, colunista do Se Liga Na Trip, do programa Radiocast


Curitiba é a capital do estado do Paraná, e conhecida como sendo a Capital Ecológica do Brasil. Recentemente, está também explorando o mote de “Cidade Inteligente” devido ao Vale do Pinhão, um ecossistema de startups e inovação inspirado no Vale do Silício. Fundada em 1693, a cidade possui população de quase 2 milhões de habitantes, sendo o município mais populoso da Região Sul e 8º mais populoso do país.

Como chegar

A viagem aérea partindo de Belo Horizonte até Curitiba tem duração aproximada de 1:40 horas em voo direto e a partir de 2:45 horas em voos com conexão. O percurso em linha reta é de 822 km e atualmente as companhias aéreas Gol, Latam e Azul operam o trecho. 

O Aeroporto Internacional fica localizado em São José dos Pinhais, estando localizado a 18 km do centro da cidade. A viagem terrestre de BH até a capital paranaense tem um percurso de 992 km, passando pela Rodovia Fernão Dias (BR-381) e Rodovia Régis Bittencourt (BR-116). De carro, a viagem dura cerca de 13 horas. De ônibus, o percurso é feito pelas empresas Cometa e Gontijo, com duração média de 18 horas.

Curitiba possui a Linha Turismo, um ônibus turístico que percorre 26 pontos turísticos da cidade. O ônibus panorâmico de dois andares funciona no sistema conhecido internacionalmente como Hop-On/Hop-Off, ou seja, o passageiro tem acesso ilimitado às viagens por um período de 24 horas, a contar do horário do primeiro embarque. 

Por experiência própria digo que vale muito a pena adquirir o acesso a Linha Turismo por 50 reais e conhecer os atrativos da capital paranaense. 

O que visitar

E o que visitar em Curitiba? Vamos começar nossas dicas do roteiro pelo Jardim Botânico. Inaugurado em 1991 é composto por uma estufa em estrutura metálica com três cúpulas que abriga espécies botânicas, pelo jardim em estilo francês francês, pelo Jardim das Sensações e pelo Museu Botânico de Curitiba, com um acervo de 400 mil amostras de plantas. Visita imperdível e gratuita. 

Outro lugar incrível para conhecer é o Ópera de Arame, que possui estrutura tubular e teto transparente. Inaugurado em 1992, recebe vários tipos de eventos, shows e espetáculos, com capacidade para 1.572 espectadores. Está localizado junto ao Parque da Pedreira e a entrada custa 10 reais (inteira). Imperdível!

A capital paranaense possui 25 museus e muita história. Vale a visita ao MON - Museu Oscar Niemeyer - museu de arte, arquitetura e design, aberto de terça a domingo, com ingresso custando 20 reais (inteira). O primeiro prédio foi inaugurado em 1967 e o Novo Museu, conhecido como Museu do Olho, foi reinaugurado em 2003. Dica: todas as quartas-feiras a entrada é gratuita, mediante a retirada antecipada de ingressos. Se liga na dica! Ah, e Isso vale para museus do Brasil e do mundo.

A Capital Ecológica do Brasil destaca-se pelas áreas verdes disponibilizadas para os munícipes e visitantes. São 33 parques, com destaque para os localizados dentro da Linha Turismo: Tanguá, Tingui e Barigui. É uma delícia a experiência de comer pipoca e observar o pôr-do-sol em um dos maravilhosos parques de Curitiba.

Existem dois outros atrativos interessantes na capital: a Torre Panorâmica, que é uma torre de telefonia com mais de 100 metros de altura que se tem uma vista 360 graus da cidade (ingressos: 6 reais, inteira) e a Rua 24 Horas, famosa nos anos 90 por ser a primeira do gênero no Brasil. Atualmente, funcionam restaurantes, bares e lojas de comércio e serviços, mas que não são 24 horas.

Se você tiver um dia disponível, coloque no seu roteiro o incrível e maravilhoso passeio de trem de Curitiba a Morretes, considerado pelo jornal inglês The Guardian e pelo jornal norte-americano The Wall Street Journal como sendo um dos mais espetaculares passeios de trem do mundo. O trajeto dura quatro horas, com partida às 08:30 e chegada às 12:30 horas, sendo que as categorias e os preços da viagem de ida são os seguintes: Turístico (R$ 139,00), Boutique (R$ 252,00) ou Luxo (R$ 365,00). Existem operadoras de turismo receptivo que oferecem pacotes com ingressos de trem no trajeto de ida, almoço, visitas e compras, com a viagem de volta de van. É a opção preferida dos viajantes. A Serra Verde Express é a concessionária da linha e mais informações podem ser obtidas no site: serraverdeexpress.com.br.

O que comer

O que comer em Curitiba? A cidade possui mais de 3000 bares e restaurantes, para todos os bolsos e gostos. A capital paranaense abriga o famoso e internacionalmente conhecido Bairro Santa Felicidade, um local repleto de restaurantes, souvenirs e lojas para comprar vinhos e chocolates. Inclusive é nesse local que está instalado o restaurante Família Madalosso, o maior restaurante do mundo. É isso mesmo: o maior restaurante do mundo, com capacidade para 4600 pessoas. O rodízio de massas com saladas e carnes sai por 69,00 por pessoa (com bebidas e sobremesa a parte). Conheça o cardápio do site madalosso.com.br. É de dar água na boca.

Curitiba se destaca no universo da gastronomia por ser a cidade originária do Grupo Madero, do Chef Junior Durski, que possui mais de 250 restaurantes em 70 cidades do Brasil e também por abrigar mais de 35 fábricas de cervejarias artesanais. Recomedo conhecer a We Are Bastards Pub, o bar da Bastards Brewery. Saiba mais sobre a cervejaria e sobre o pub no site: bastardsbrewery.com.br.

Agora vai uma super dica de uma experiência diferenciada em Curitiba: conhecer o restaurante Terraza 40 e a Confeitaria Curitibana, estabelecimentos localizados no Observatório Panorâmico do Edifício Champagnat Tower. É incrível a vista da cidade e você pode curtir um pôr-do-sol com um café e uma torta especial ou um drink com entradinhas. Que tal? Ah, com o detalhe que você paga apenas o que consumir.  

Onde ficar

Curitiba possui uma boa rede hoteleira, composta por 159 meios de hospedagem (dados de 2019 do Ministério do Turismo), com valores das diárias da categoria turística variando de 100 a 400 reais. A cidade possui hotéis de redes como Accor (Grand Mercure, Mercure, Novotel e Ibis), Bourbon, Radisson, Quality, Pestana, Transamerica, Nacional Inn, Go Inn, Intercity e Slaviero e hotéis independentes, com destaque para o Nomaa Hotel, que é um hotel boutique.

Depois desse roteiro e dessas dicas TOP do #SeLigaNaTrip, agora é só marcar na sua agenda e definir quando será a sua visita na belíssima cidade de Curitiba. Boa viagem!

* Esta coluna tem caráter opinativo e não reflete o posicionamento do grupo.
Enquete

Carregando...

Colunistas

Carregando...

Podcasts

Carregando...

Saiba mais