América

  1. Esporte
  2. América
  3. América recebe o Guaraní na estreia pela Libertadores
Imagem: Mourão Panda/América

América recebe o Guaraní na estreia pela Libertadores

Diferente do Guarani, que participou da Libertadores em 19 oportunidades, o América fará sua estreia nesta quarta-feira, não só na competição, como também em torneios internacionais.


Por Vinícius Silveira

O América escreverá mais um capítulo em sua história. O Coelho receberá o Guarani-PAR, quarta-feira (23), às 19h15, no Estádio Independência, valendo pela primeira partida da segunda fase da pré-Libertadores. O jogo da volta será no dia 2 de março, no mesmo horário, no Paraguai.

Diferente do Guarani, que participou da Libertadores em 19 oportunidades, o América fará sua estreia nesta quarta-feira, não só na competição, como também em torneios internacionais.

O América chegou à Libertadores após fazer uma campanha histórica no Campeonato Brasileiro. Após um começo muito ruim, onde brigou contra o rebaixamento em mais da metade da competição, cresceu durante o campeonato e terminou em oitavo lugar, com 53 pontos, garantindo a última vaga na pré-Libertadores.

América não divulga relacionados 

O técnico Marquinhos Santos utilizou as primeiras partidas do ano para montar o time e encontrar a melhor formação para esta estreia na Libertadores. Nos últimos jogos, peças foram se encaixando e aliado a boa equipe que ficou do ano passado, o treinador americano vai escalar o que tem melhor para hoje.

Diferente do que acontece costumeiramente, o América não divulgou a lista de relacionados e jogadores entregues ao departamento médico. O único desfalque é o zagueiro Germán Conti, suspenso pela Conmebol após expulsão no ano passado, quando defendia o Bahia. Como foi o último jogo, o defensor teria que cumprir no primeiro jogo oficial pela Conmebol.

Ainda que tenha encontrado a melhor formação, Marquinhos Santos pode mexer no ataque. Everaldo e Matheusinho disputam uma vaga no lado do campo. No comando ofensivo, Wellington Paulista, experiente em Libertadores, tem como concorrente Henrique Almeida.

Guarani tem péssimo começo de temporada 

A temporada 2022 do Guarani começou muito mal. O ‘Cacique’ jogou três vezes no Campeonato Paraguaio, perdendo duas partidas, empatando uma, e ainda sem marcar gols no ano.

A novidade do Guarani é o retorno do meia Josué Colman, de 23 anos. O jogador estava entregue ao departamento médico e chegou a ser poupado contra o Cerro Porteño, no último final de semana.

Escalações

América: Jaílson; Patric, Iago Maidana, Éder e Marlon; Lucas Kal, Juninho e Alê; Everaldo (Matheusinho), Felipe Azevedo e Wellington Paulista (Henrique Almeida). Técnico: Marquinhos Santos

Guarani: Devis Vasquez; Rodi Ferreira, Marcos Cáceres, Roberto Fernández e Guillermo Benitez; Marcelo González, Jorge Mendoza, Rodrigo Fernández e Josué Colman; Fernando Fernández e Ariel Nuñez. Técnico: Fernando Jubero. 

Colunistas

Carregando...

Enquete

Carregando...

Saiba mais