Atlético

  1. Esporte
  2. Atlético
  3. Atlético e Athletico-PR iniciam a final da Copa do Brasil
Imagem: Pedro Souza/Atlético

Atlético e Athletico-PR iniciam a final da Copa do Brasil

O jogo de hoje é a primeira partida, e a segunda acontecerá dia 15 de dezembro, quarta-feira, às 21h30, na Arena da Baixada.


Por Vinícius Silveira

Chegou o grande dia! Atlético e Athletico-PR abre a final da Copa do Brasil 2021, neste domingo (12), às 17h30, no Estádio Mineirão. O jogo de hoje é a primeira partida, e a segunda acontecerá dia 15 de dezembro, quarta-feira, às 21h30, na Arena da Baixada.

Para chegar a grande decisão, o Atlético começou a Copa do Brasil na terceira fase por ter disputado a Copa Libertadores da América. Eliminou Remo, Bahia, Fluminense e Fortaleza. Já o Athletico-PR, que também iniciou a competição na terceira fase, passou por Avaí, Atlético-GO, Santos e Flamengo.

Outro fator chamativo para a briga pelo título é a premiação. O campeão da Copa do Brasil irá embolsar 56 milhões de reais. No total, o vencedor do torneio, somadas as premiações das fases anteriores, ganhará mais 70 milhões de reais.

Cuca tem dúvida na defesa 

Passada a euforia pela conquista do título brasileiro, o Atlético voltou suas atenções para a Copa do Brasil antes mesmo do término do Brasileirão. Contra o Grêmio, o Galo entrou em campo com o time quase todo reserva, a exceção do zagueiro Nathan Silva.

Para o jogo de hoje, o técnico Cuca não terá Nathan Silva, que já jogou a Copa do Brasil por outra equipe e pelo regulamento, o zagueiro é desfalque. A tendência é que Igor Rabello seja o substituto ao lado de Junior Alonso. A primeira opção seria Réver, mas caso o defensor não esteja 100%, Cuca não irá arriscar.

No setor ofensivo, Cuca deve apostar em três atacantes: Hulk, Keno e Diego Costa, com Nacho Fernández correndo por fora. Mesmo sendo escolhido melhor meio-campo do Brasileirão, Nacho deverá iniciar no banco de reservas.

Renato Kayser é a novidade de Alberto Valentim 

Recém-campeão da Copa Sul-Americana, o Athletico-PR brigou até a reta final do Campeonato Brasileiro para não ser rebaixado para a Série B. Garantida a permanência na elite do futebol nacional, o Furacão passou a focar as atenções na final da Copa do Brasil. Assim como fez o Galo, o técnico Alberto Valentim mandou time reserva para encarar o Sport, na última rodada do Brasileirão.

Para o jogo de hoje, Alberto Valentim não tem problemas para escalar a equipe, mas deve contar com um reforço importantíssimo: o atacante Renato Kayser, artilheiro do Athletico-PR na temporada e na Copa do Brasil.

O centroavante sofreu uma entorse no tornozelo esquerdo após entrada forte do lateral-esquerdo Reinaldo, do São Paulo. Desde então, Renato Kayser fez tratamento intensivo e voltou a treinar com bola.

Ontem, o atacante participou do último treino do time antes da viagem para Belo Horizonte, e está entre os relacionados para o jogo. Caso não tenha condições, quem jogará é Pedro Rocha.

Escalação

Atlético: Everson; Mariano, Igor Rabello (Réver), Junior Alonso e Guilherme Arana; Allan, Jair e Zaracho; Hulk, Keno e Diego Costa. Técnico: Cuca

Athletico-PR: Santos; Pedro Henrique, Thiago Heleno e Nico Hernández; Marcinho, Érick, Léo Cittadini e Abner; Nikão, David Terans e Renato Kayser (Pedro Rocha). Técnico: Alberto Valentim.

Colunistas

Carregando...

Enquete

Carregando...

Saiba mais