Carregando...

Atlético

Imagem: Pedro Souza/Atlético

Atlético perde para o Santos e aumenta jejum de vitórias

Com gols no segundo tempo, o Santos conquistou a vitória na Vila Belmiro.

Por Guilherme Souza

A noite de domingo foi de duelo alvinegro na Vila Belmiro. Santos e Atlético se enfrentaram pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro da Série A. Com gols de Jean Mota e Marcos Guilherme, o Peixe venceu por 2x0.

O próximo compromisso do Galo será diante do Atlético Goianiense, na quinta-feira, às 19h, no Mineirão. O Santos receberá o Sport, na Vila Belmiro, às 20h30, na quarta-feira.

 JOGO ABERTO NA PRIMEIRA ETAPA

O primeiro tempo foi marcado pelo equilíbrio. As duas equipes se postaram bem e deram poucos espaços.

O Peixe tentava entrar na área atleticana apostando em bolas esticadas para os pontas. Contudo, Guga e Guilherme Arana faziam uma partida segura.

A primeira chance clara foi do Galo. Após bela jogada de Hulk pelo lado direito aos trinta e dois, ele cruzou e a bola sobrou para Keno, após corte da defesa; o atacante soltou a bomba e a bola tirou tinta na trave de João Paulo.

A resposta do time santista veio dois minutos depois. Marinho arriscou, Everson rebateu, e Pirani cruzou para Kaio Jorge, mas Guga salvou o time mineiro.

 SANTOS MATA O JOGO

O Peixe voltou diferente para a segunda etapa. A postura ofensiva no início fez toda a diferença. Logo aos onze minutos, após contra-ataque fulminante pelo lado direito, Marcos Guilherme rolou para o meio da área, onde estava chegando Jean Mota, que acertou o ângulo direito de Everson.

Durante o segundo tempo, Cuquinha promoveu a entrada de garotos para tentar mudar o panorama. O Atlético chegou a melhorar na partida e foi para o tudo ou nada. O Santos pouco incomodava.

Aos trinta minutos, Hulk tentou encobrir João Paulo e quase marcou um golaço. O Galo rondava a área santista, enquanto o time da casa apenas marcava.

No último lance, após recuperar a bola em cobrança de falta de Everson, o Santos armou um contra-ataque mortal e Madson cruzou para Marcos Guilherme, que só cumprimentou as redes.

 

 

Enquete

Carregando...

Colunistas

Carregando...

Podcasts

Carregando...

Saiba mais