Carregando...

Atlético

Imagem: Pedro Souza/Atlético

Atlético vence o Juventude e é líder do Campeonato Brasileiro

Com o resultado, o Atlético chegou aos 34 pontos, superando o Palmeiras que tem 32, e é o primeiro colocado do Brasileirão. O Juventude segue com 16 pontos e no 13º lugar.

Por Vinícius Silveira

O Atlético é o novo líder do Brasileirão! O Galo venceu o Juventude, por 2 a 1, de virada, jogando no Estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul. Paulinho Bóia fez o primeiro gol do time gaúcho. No segundo tempo, Hulk e Nathan Silva viraram o placar.

Com o resultado, o Atlético chegou aos 34 pontos, superando o Palmeiras que tem 32, e é o primeiro colocado do Brasileirão. O Juventude segue com 16 pontos e no 13º lugar.

Na próxima rodada, tem confronto entre líder e vice-líder. O Atlético receberá o Palmeiras, sábado (14), às 19 horas, no Mineirão. Antes, o Galo tem o River Plate, no Estádio Monumental de Nuñez, em Buenos Aires, valendo pela primeira partida das quartas de final da Copa Libertadores da América.

Juventude sai na frente 

Antes do jogo, o técnico Cuca poupou alguns titulares na formação inicial: Mariano, Junior Alonso e Savarino ficaram no banco de reservas. O Juventude entrou com força máxima, mas sem estrear os recém-contratados.

No primeiro tempo, o Atlético teve maior posse de bola, trocava passes e apostava na movimentação ofensiva do ataque. O Juventude foi mais conservador, postando-se mais na defesa e esperando a hora exata para o contra-ataque.

O Atlético reclamou de uma penalidade máxima em dois lances de falta sequentes. O primeiro foi de Paulo Henrique que calçou Dodô, e em seguida, carrinho de Rafael Forster em Hyoran. O VAR foi acionado e nenhuma das infrações gerou marcação de pênalti.

Os dois times seguiram sem incomodar os goleiros, quando aconteceu o gol do Juventude. Sorriso foi lançado e tocou de cabeça para Paulinho Boía, que dominou, entrou na área, driblou Igor Rabello, e tocou no canto direito de Everson. O lance foi revisado no VAR e o gol foi confirmado.

Hulk empata e Nathan Silva vira o jogo 

Na etapa final, Cuca promoveu as entradas de Savarino. O Atlético ganhou em agressividade, mas errava no último passe ou na finalização. A principal delas foi no cruzamento de Hulk para Nacho Fernández cabecear no contrapé de Marcelo Carné, mas a bola foi para fora.

O Juventude seguiu com jogo mais conservador, e a principal saída de ataque era com Capixaba, mas quase sempre sozinho na ponta-esquerda, encontrava a marcação da defesa atleticana.

Após tanta pressão do Atlético, veio o gol de empate. Hulk tabelou com Eduardo Sasha, recebeu na frente e finalizou no canto direito de Marcelo Carné.

O gol de empate deu mais ânimo ao Atlético para a vitória. Embora as finalizações não chegasse à meta do goleiro Marcelo Carné, a defesa do Juventude teve muito trabalho para desarmar o ataque alvinegro.

Tanta pressão teve resultado aos 46 minutos. Nacho Fernández cobrou escanteio e Nathan Silva subiu muito bem para tocar de cabeça e marcar o gol da vitória e da liderança do Campeonato Brasileiro.


Enquete

Carregando...

Colunistas

Carregando...

Podcasts

Carregando...

Saiba mais