Carregando...

Atlético

Imagem: Pedro Souza/Atlético

Com golaços, Atlético derrota o Corinthians no Mineirão

Com o resultado, o Atlético chegou aos 68 pontos, líder absoluto do Campeonato Brasileiro. Já o Corinthians segue com 47 pontos, na sexta posição.

Por Vinícius Silveira

Mais três pontos na conta do Galo! O Atlético venceu o Corinthians, por 3 a 0, no Mineirão, valendo pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro. Diego Costa marcou no primeiro tempo. Na etapa final, Keno e Hulk fecharam o placar.

Com o resultado, o Atlético chegou aos 68 pontos, líder absoluto do Campeonato Brasileiro. Já o Corinthians segue com 47 pontos, na sexta posição.

O Atlético jogaria com o Bahia neste final de semana, mas a partida foi adiada para o começo de dezembro. O Galo volta a jogar na 33ª rodada, com o Athletico-PR, terça-feira (16), às 18h30, na Arena da Baixada.

Atlético domina o jogo desde o começo 

Antes do jogo, o Atlético teve uma novidade: o meia Nacho Fernández, esperado como titular, sequer ficou no banco de reservas. Keno começou jogando e o técnico Cuca escalou três atacantes.

No primeiro tempo, o controle do jogo foi inteiramente do Atlético. Com muita técnica, o Galo ocupou os espaços e procurou o jogo. Já o Corinthians era menos agressivo, mas tinha qualidade nos pés de Giuliano, Renato Augusto e Róger Guedes.

Contudo, foi o Atlético quem abriu o placar. Diego Costa recebeu de Keno, abriu o espaço e chutou forte. A bola entrou no canto esquerdo de Cássio, que escorregou no lance e quando foi para a bola, já era tarde demais.

Após o gol, o Corinthians optou por sair mais, adiantou as linhas, mas não trouxe perigo ao goleiro Everson. A defesa atleticana fez um trabalho de marcação muito bom. Em contrapartida, a defesa paulista abriu os espaços, e em todas as descidas do Galo, o alvinegro levou perigo. Destaque para a defesa do goleiro Cássio, após finalização de Hulk, que recebeu passe de calcanhar de Diego Costa.

Keno e Hulk marcam golaços 

Na etapa final, o Atlético começou como terminou o primeiro tempo. Muita qualidade em todos os setores, e não demorou muito, o Galo ampliou o placar. Tchê Tchê serviu a Keno, que mandou uma pancada, e a bola entrou alto das redes de Cássio. Indefensável para o goleiro corintiano.

Após o gol, o Corinthians saiu para o jogo, buscou o ataque, mas não converteu as investidas em gol. A postura defensiva do Atlético era muito segura, e o goleiro Everson passava tranquilidade quando fora exigido.

Caminhando para o final do jogo, o ímpeto corintiano foi caindo, e o Atlético passou a ter mais posse de bola, controlar a partida e ainda criar mais uma grande chance com Jair, que exigiu grande chance defesa do goleiro Cássio.

Porém, ainda tinha mais um presente para o torcedor do Atlético. Aos 49 minutos, Nathan começou a jogada, serviu a Hulk. O Vingador Alvinegro passou como quis pela defesa do Corinthians, e mandou uma pancada no alto das redes de Cássio, para selar a grande vitória atleticana.

Enquete

Carregando...

Colunistas

Carregando...

Podcasts

Carregando...

Saiba mais