Carregando...

Atlético

Imagem: Pedro Souza/Atlético

Com vantagem, Atlético encara o Bahia em Feira de Santana

No primeiro jogo, o Atlético venceu por 2 a 0, e pode se classificar perdendo até por um gol de diferença. Ao Bahia, resta apenas vencer por três gols de diferença.

Por Vinícius Silveira

Nesta quarta-feira (4) será conhecido um dos classificados para as quartas de final da Copa do Brasil. Bahia e Atlético se enfrentam no Estádio Joia da Princesa, em Feira de Santana, valendo pela segunda partida das oitavas de final da competição.

No primeiro jogo, o Atlético venceu por 2 a 0, e pode se classificar perdendo até por um gol de diferença. Ao Bahia, resta apenas vencer por três gols de diferença. Em caso de vitória do tricolor por dois gols de diferença, a decisão da vaga será nos pênaltis. Não existe critério do gol qualificado na Copa do Brasil. O clube que chegar às quartas de final somará mais R$ 3,45 milhões de premiação.

Cuca terá Hulk de volta e desfalque na zaga

O técnico Cuca pode mudar a equipe para o jogo contra o Bahia. As alterações devem acontecer na defesa e também no ataque, além de levar uma dúvida para o vestiário do estádio Joia da Princesa.

O treinador tem o retorno do atacante Hulk, que ficou fora da partida contra o Athletico-PR por conta de uma conjuntivite. Em contrapartida, Cuca perde Nathan Silva para a zaga, pois o defensor já disputou a Copa do Brasil pelo Atlético-GO. Réver é o mais cotado para assumir a vaga ao lado de Junior Alonso.

A dúvida está no meio-campo. Sem Zaracho, entregue ao departamento médico, Cuca tem a opção de manter o setor com quatro jogadores, como vinha jogando, podendo escalar Hyoran ou Nathan, ou colocar mais um jogador de ataque. Eduardo Sasha e Vargas são os possíveis candidatos.

Dado Cavalcanti perde volante e ganha opção no meio-campo

Sem vencer há cinco jogos, o técnico Dado Cavalcanti deve mudar o time em relação as partidas anteriores. A primeira alteração é a saída do volante Jonas, com dores na coxa.

Porém, o treinador ganhou o reforço do meia Lucas Mugni, que está registrado no BID da CBF, e tem condições de jogo. Mugni, que estava no futebol turco, foi anunciado no Bahia há quase duas semanas, mas não atuava, pois só poderia ter o contrato registrado após a abertura da janela de transferências internacionais.

Escalações

Bahia: Danilo Fernandes; Nino Paraíba, Germán Conti, Luiz Otávio e Matheus Bahia; Patrick de Lucca, Matheus Galdezani (Lucas Mugni) e Daniel; Rossi, Rodriguinho (Ronaldo) e Gilberto. Técnico: Dado Cavalcanti.

Atlético: Everson; Mariano, Réver (Igor Rabello), Junior Alonso e Dodô; Allan, Tchê Tchê e Nacho Fernández; Savarino, Hulk e Vargas (Sasha). Técnico: Cuca

Arbitragem: Vinícius Gonçalves Dias Araújo apita o jogo. Marcelo Carvalho Van Gasse e Daniel Paulo Ziolli são os auxiliares. José Cláudio Rocha Filho é o Árbitro de Vídeo. Todos de São Paulo.

Enquete

Carregando...

Colunistas

Carregando...

Podcasts

Carregando...

Saiba mais