Carregando...

Atlético

Imagem: Reprodução/Rádio 98

Dirigente do Atlético atualiza andamento do processo contra Fred

O vice-presidente do Atlético, José Murilo Procópio, atualizou o andamento do processo contra o atacante Fred e falou sobre o momento financeiro do clube.

Por Guilherme Souza/Thais Santos

O vice-presidente do Atlético, José Murilo Procópio, foi o convidado do programa 98 Esportes desta sexta-feira. O dirigente alvinegro passou a limpo os primeiros nove meses de gestão ao lado do presidente Sérgio Batista Coelho e dos investidores do clube. Na entrevista, José Murilo detalhou a batalha judicial com o atacante Fred, que deixou o Galo no fim de 2017; falou sobre dívidas a curto prazo; a saúde financeira do Atlético; além de avaliar se o modelo do clube-empresa, que vem sendo implementado no Brasil, seria uma maneira viável de equacionar a vida financeira do clube.

Sobre os últimos capítulos da situação jurídica envolvendo Fred, José Murilo revelou com exclusividade à Rádio 98FM, que o Atlético irá ajuizar uma ação e a execução em desfavor do jogador do Fluminense atualmente. 

"Nós estaremos ajuizando oficialmente a ação e a execução contra o Fred na próxima semana, no Rio de Janeiro", garantiu. Ainda sobre o tema, José Murilo disse que, o valor estipulado em R$ 10 milhões em 2018, hoje chegaria a R$ 18 milhões.

O dirigente alvinegro ainda revelou que existe uma expectativa por parte do clube, de chegar ao número de 100.000 sócios Galo Na Veia, até o final de 2021, atualmente o Atlético conta com 74.000 torcedores associados. Ainda sobre a questão de arrecadação, José Murilo destacou que aguarda a reunião do Conselho Técnico, que acontecerá no dia 28, para definir a volta do público aos estádios de forma definitiva.

Com relação às dívidas a curto prazo, o vice-presidente detalhou o processo que vem sendo feito na gestão atual do Atlético:

“ Elas são algumas dívidas com bancos , mas que são garantidas por exemplo com recebíveis. O que nós temos feito lá no Atlético é a mudança do perfil das dívidas, nós estamos conseguindo fazer um alongamento das dívidas com juros bem mais razoáveis do que tínhamos e com esse alongamento nós vamos entrando receitas que acontecem via outros recebíveis que estão chegando, venda de jogadores, os nossos jogadores foram muito valorizados em função do momento que estamos vivendo e a criatividade, em que temos oportunidades de fazer empreendimentos até com próprios ativos do clube.”


José Murilo Procópio revelou que já estão trabalhando no novo estatuto do Atlético e que ainda não está 100% convencido sobre os benefícios do projeto clube-empresa:


“Nós estamos elaborando um estatuto que será submetido ao Conselho Deliberativo do Atlético, onde nós fechamos e criamos muitas formas de que o Atlético possa prosseguir nesse estágio que ele está, por exemplo, criando um Conselho de Administração. Esse Conselho de Administração seria composto por 6 membros, 8, 9 membros, isso aí ainda é uma coisa que está em análise. O Conselho Deliberativo elegeria esse Conselho de Administração e esse Conselho de Administração escolheria o presidente e o vice-presidente, que seriam contratados, seria um regime do formato do Parlamentarismo. Se amanhã, esse forma não estivesse dando certo, esse Conselho de Administração poderia demiti-lo e designar um outro presidente e um outro vice.”


Confira a entrevista na íntegra:



Enquete

Carregando...

Colunistas

Carregando...

Podcasts

Carregando...

Saiba mais