Carregando...

Atlético

Imagem: Pedro Souza/Atlético

Hulk brilha, Atlético vence o Corinthians e sobe para a vice-liderança

O atacante marcou os dois gols na vitória do Galo diante dos paulistas.

Por Guilherme Souza

O Atlético entrou em campo na noite deste sábado, na Neo Química Arena, em São Paulo, contra o Corinthians, em partida da décima segunda rodada do Campeonato Brasileiro da Série A. Com dois gols de Hulk, o Galo bateu o Timão por 2x1.

O Galo voltará a campo na terça-feira, às 19h15, no Mineirão, diante do Boca Juniors, na partida de volta das oitavas de final da Copa Libertadores da América. O Corinthians, por sua vez, jogará apenas no dia 26, diante do Cuiabá, fora de casa.

 PRIMEIRO TEMPO MORNO

A primeira etapa foi marcada pelo equilíbrio entre as duas equipes.  Um jogo truncado, sobretudo no meio-campo, com poucas chances para ambos os lados.

Na primeira grande chance do time paulista, Cantillo roubou a bola, tocou para Gustavo Mosquito, que passou facilmente por Junior Alonso e marcou um belo gol.

Mesmo com o gol sofrido aos trinta e sete, o Atlético não parecia muito inspirado na partida. A única chegada perigosa aconteceu nos acréscimos, quando Hulk tabelou com Nathan, que invadiu a área e finalizou na diagonal, pela linha de fundo.

 HULK DECIDE O JOGO

A postura do Galo na segunda etapa foi completamente diferente. Cuca promoveu a saída de Nathan, bastante apagado, para a entrada de Eduardo Sasha. O time ganhou mobilidade e passou a incomodar frequentemente.

Cássio evitou o empate em duas oportunidades. Aos oito, Mariano cruzou na medida e Zaracho desviou, para excelente defesa do goleiro. Aos doze, Sasha finalizou bem dentro da área, e o goleiro corinthiano salvou novamente.

Mas aos dezoito, não teve jeito. Hulk, cobrou falta de maneira impecável e deixou tudo igual. Depois do gol de empate, o Atlético passou a controlar o jogo com mais facilidade, montando uma blitz na defesa do time paulista.

A chance clara do Corinthians foi aos trinta e quatro. Após confusão na área, a bola sobrou para Jô, que finalizou para a defesa de Everson, e no rebote, sozinho, mandou na trave.

A justiça no placar veio aos quarenta minutos. O Atlético, melhor em toda a segunda etapa, virou, novamente com Hulk, que recebeu ótimo passe, invadiu a área e bateu cruzado.  

Enquete

Carregando...

Colunistas

Carregando...

Podcasts

Carregando...

Saiba mais