Carregando...

Cruzeiro

Imagem: Bruno Haddad/Cruzeiro

Cruzeiro derrota o Confiança e emplaca a segunda vitória consecutiva

Com o resultado, o Cruzeiro se manteve na 14ª posição, com 24 pontos, mas abriu cinco pontos de distância da zona de rebaixamento.

Por Vinícius Silveira

O Cruzeiro venceu o Confiança, por 1 a 0, no Mineirão, e emplacou a segunda vitória seguida na Série B. O gol celeste foi marcado por Marcelo Moreno, cobrando penalidade máxima no segundo tempo.

Com o resultado, o Cruzeiro se manteve na 14ª posição, com 24 pontos, mas abriu cinco pontos de distância da zona de rebaixamento. Já o Confiança está em 19º lugar, com 13 pontos.

Na próxima rodada, o Cruzeiro volta a jogar pela Série B no domingo (29), às 16 horas, contra o CRB, no Estádio Rei Pelé, em Maceió.

Luxemburgo aposta na continuidade e time pressiona 

O técnico Vanderlei Luxemburgo apostou na continuidade, e manteve o mesmo time que entrou contra o Náutico, e venceu por 1 a 0, nos Aflitos.

No primeiro tempo, foi o jogo de um time só. O Cruzeiro dominou as ações durante toda a etapa inicial, com ampla posse de bola e buscando o campo de ataque. Por sua vez, o Confiança ficou na defesa, apenas aguardando uma chance de descer em contra-ataque, mas quando tinha a bola no pé, desperdiçava.

Ainda no primeiro tempo, o técnico Vanderlei Luxemburgo perdeu Norberto, com dores na coxa direita, e entrou com Claudinho. Rômulo, que começou como volante, foi para a lateral-direita.

O Cruzeiro finalizou com perigo nos arremates de Marcelo Moreno, Claudinho e Eduardo Brock (cobrando falta). Já o trio de ataque do Confiança, Robinho, Luidy e Hernane Brocador foram meros espectadores da partida.

Marcelo Moreno marca de pênalti e dá a vitória ao Cruzeiro 

Na etapa final, o panorama do jogo foi o mesmo do primeiro tempo. O Cruzeiro ocupou o campo de ataque, cresceu com a entrada de Wellington Nem, enquanto o Confiança ficava na defesa. Timidamente, o time sergipano tentou descer para o ataque, mas faltava qualidade para criar as jogadas.

Ofensivo, o Cruzeiro já fazia por merecer o gol, e ele veio aos 21 minutos. Wellington Nem recebeu na área e foi derrubado pelo goleiro Michael. Pênalti marcado pelo arbítro Ramon Abatti Abel, e convertido por Marcelo Moreno.

Mesmo com o gol marcado, o Cruzeiro seguiu ofensivo em busca de ampliar o placar, dominando amplamente a partida, fez o goleiro Michael trabalhar em duas oportunidades, mas não fez o segundo gol.

Nos minutos finais, o Confiança saiu para o ataque, e só levou uma vez apenas. Após cruzamento de Álvaro, Tiago Reis se jogou na bola e passou batido do lance.

Confira o gol do Cruzeiro, com a narração de Guilherme Mello



Enquete

Carregando...

Colunistas

Carregando...

Podcasts

Carregando...

Saiba mais