Carregando...

Cruzeiro

Imagem: Gustavo Aleixo/Cruzeiro

Cruzeiro perde para o Remo no Pará

Com o resultado, o Cruzeiro completou o sétimo jogo sem vencer na Série B do Brasileirão. O time celeste é o 16º colocado, com apenas 11 pontos

Por Vinícius Silveira

O Cruzeiro perdeu mais uma partida na Série B. O time celeste foi derrotado pelo Remo, por 1 a 0, no Estádio Baenão, em Belém, no Pará. O gol do time paraense foi anotado pelo atacante Victor Andrade, no primeiro tempo.

Com o resultado, o Cruzeiro completou o sétimo jogo sem vencer na Série B do Brasileirão. O time celeste é o 16º colocado, com apenas 11 pontos, e corre risco de entrar na zona de rebaixamento no decorrer dos resultados da rodada. Já o Remo subiu para a 11ª posição, com 16 pontos.

Na próxima rodada, o Cruzeiro vai até Goiânia enfrentar o Vila Nova, no Estádio Onésio Brasileiro de Alvarenga, na capital de Goiás. O Remo encara o Londrina.

Remo sai na frente com golaço

Na etapa inicial, o jogo começou favorável a equipe do Remo, que iniciou ocupando o campo de ataque e apostou na armação de jogadas com Felipe Gedoz e na velocidade do atacante Victor Andrade. Por sua vez, o Cruzeiro teve dificuldade para criar as ofensivas, pois se aproximava da intermediária, mas não levava perigo.

Enquanto o Cruzeiro seguia com dificuldades para armar as jogadas, o Remo chegou ao primeiro gol. Thiago Ennes fez cruzamento e Victor Andrade pegou um voleio sensacional, dentro da grande área, e acertou o alto das redes de Fábio.

Com o gol, o Remo conseguiu controlar o jogo, mas favorecido pela falta de produtividade do Cruzeiro. O primeiro chute com real perigo foi de Matheus Barbosa, que arrematou de fora da área, passando perto da trave esquerda de Vinícius.

Até o final do primeiro tempo, o Remo marcava com qualidade e impedia as ações do Cruzeiro. Da mesma maneira, o time paraense também não incomodou a defesa celeste.

Cruzeiro começa melhor, mas não chega ao empate 

No segundo tempo, o Cruzeiro começou melhor, mais ofensivo e criando jogadas de ataque, mas as investidas não resultavam em finalizações perigosas. Já o Remo não começou como na etapa anterior, mas finalizou com perigo após chute de Felipe Gedoz.

O Cruzeiro seguiu com comportamento ofensivo, mas pouco produtivo. E a situação ficou ainda pior com a expulsão do volante Matheus Barbosa. Com um jogador a menos, o time celeste caiu bastante, e deu a condição de o Remo descer para o ataque.

O Remo ficou mais ofensivo, porém, só teve uma chance real de marcar com Felipe Gedoz. O meio-campo chutou rasteiro e Fábio fez grande defesa. Até o final da partida, o Cruzeiro não esboçou qualquer reação de ataque, enquanto o time paraense apenas administrou o resultado. 

Enquete

Carregando...

Colunistas

Carregando...

Podcasts

Carregando...

Saiba mais