Carregando...

Esporte Nacional

Imagem: Igor Assunção

Kalil autoriza volta do público aos estádios de Bh. Confira as regras:

O Secretário Municipal de Saúde, Jackson Machado, anunciou o retorno do público com 30% da capacidade máxima de cada estádio.

Por Thais Santos

O prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil, se reuniu hoje com representantes de América, Atlético e Cruzeiro, dos estádios de futebol e autoridades da Polícia Militar para discutir a volta de público nos estádios da capital mineira. Através de um pronunciamento, o Secretário Municipal de Saúde, Jackson Machado, anunciou o retorno do público com 30% da capacidade máxima de cada estádio. O anúncio foi feito após queda nos indicadores da doença na capital, o número médio de transmissão por infectado (RT) está em 0,91, a taxa de ocupação da UTI caiu para 57,9% e os números da Enfermaria estão em 46,5%.

Só serão permitidas as entradas de torcedores mediante o cumprimento das seguintes regras:

  • Torcida única do mandante.
  • Apresentar teste PCR ou teste rápido negativo, com antecedência máxima de 72 horas.
  • Não haverá transporte público para os estádios.
  • Será coibida a aglomeração de torcedores no entorno dos estádios.
  • Torcedores devem entrar no estádio com antecedência.
  • O resultado do exame deverá ser apresentado na portaria do estádio.
  • Torcedor que apresentar exame falso, vai responder criminalmente.
  • As vendas dos ingressos serão feitas apenas pela internet com cadastro de nome, identidade e endereço.
  • Torcedores vacinados com a 2ª dose também deverão apresentar o teste negativo.
  • Não será permitida a venda/consumo de bebidas alcoólicas nos estádios.
  • O uso de máscara é obrigatório.
  • Pessoas de grupos diferentes deverão manter distanciamento umas das outras.
  • A entrada de mulheres grávidas não foi proibida, no entanto, existe a recomendação dos órgãos de saúde, que gestantes não compareçam ao evento.


A FMF divulgou um protocolo para os jogos do Módulo II do Campeonato Mineiro, a Conmebol liberou a presença de público em competições organizadas pela entidade. A CBF ainda não autorizou.


Enquete

Carregando...

Colunistas

Carregando...

Podcasts

Carregando...

Saiba mais