Carregando...

Esporte

Com um jogador a menos, Fortaleza vence o Atlético

Mesmo com a derrota, o Atlético segue na ponta da tabela, mas torce contra o Internacional para não ver o time gaúcho próximo na classificação

Por Vinícius Silveira

Foto: Pedro Souza/Atlético

O Atlético perdeu para o Fortaleza, jogando no Castelão, por 2 a 1, valendo pela 14ª rodada do Campeonato Brasileiro. Os gols do time cearense foram marcados por David e Bruno Melo. Eduardo Sasha marcou o único gol do Galo.

Com o resultado, o Atlético se mantém na liderança do Brasileirão, com 27 pontos e tem três pontos a mais que o vice-lider Flamengo. Próximo jogo do Galo será contra o Goiás, sábado (10), às 21 horas, no Estádio Mineirão.

GALO PRESSIONA E FORTALEZA SE DEFENDE

Sem três jogadores, o técnico Jorge Sampaoli surpreendeu ao colocar Bueno, Mariano, Fábio Santos e Hyoran no time titular.

No primeiro tempo, o Atlético ficou mais tempo com a posse de bola, chegando a superar os 60%. O Fortaleza apostou no jogo do contra-ataque, mas ficou mais tempo na defesa do que no ataque.

Com o posicionamento defensivo do Fortaleza, o Atlético teve dificuldades para encontrar espaços para criar jogadas. Para abrir espaços, buscou lançamentos para as laterais, porém, encontrava o Leão do Pici bem armado com marcação dupla.

O Fortaleza esperava por uma falha do Atlético, e ela aconteceu aos 36 minutos. Tinga aproveitou que Réver e Fábio Santos bateram cabeça e pegou a sobra da bola. David passava livre pela esquerda e recebeu na grande área para bater cruzado. A bola tocou na trave antes de entrar.

A festa do Fortaleza durou pouco. Dois minutos depois, Felipe cometeu falta em Guilherme Arana. O volante já tinha amarelo e foi expulso. Aos 41 veio o empate do Atlético. Mariano cruzou da direita, Hyoran desviou de cabeça e Eduardo Sasha dominou no espaço vazio para bater de perna direita no canto de Felipe Alves.

ESPAÇOS APARECEM E FORTALEZA GARANTE A VITÓRIA

Na etapa final, os dois times apareceram como terminaram a etapa final: o Fortaleza se defende, busca o contra-ataque, enquanto o Atlético tem mais posse de bola, agride mais, mas falta precisão na finalização.

Sem David, substituído no primeiro tempo, o técnico Rogério Ceni apostou em Osvaldo como jogador de velocidade. O Atlético procurava Keno na armação das jogadas, mas a marcação do Fortaleza era muito bem feita.

No contra-ataque, o Fortaleza chegou a balançar as redes com Yuri César. Ele recebeu de Osvaldo, dominou e bateu rasteiro no canto direito de Everson. No entanto, o VAR pegou a posição de impedimento no começo da jogada.

O Atlético seguiu tendo mais posse de bola, mas sem agredir, sem criar chances de gol. O goleiro Felipe Alves fez apenas uma boa defesa após chute de Keno.

Aos 39 minutos, o Fortaleza fez o gol da vitória. Após o cruzamento de Osvaldo, Bruno Melo apareceu na segunda trave e cabeceou no canto direito de Everson. O goleiro do Galo não tinha o que fazer no lance.

Após o gol do Fortaleza, o Atlético apostou incessantemente em bolas levantadas na área e sempre favoreceu a defesa de Fortaleza até o final do jogo. 

Enquete

Carregando...

Colunistas

Carregando...

Podcasts

Carregando...

Saiba mais