Carregando...

Esporte

Dedé consegue liminar para rescisão contratual junto ao Cruzeiro

De acordo com a decisão da Justiça do Trabalho, o zagueiro fica livre para assinar com outro clube para a temporada 2021.

Por Thais Santos

Foto: Vinnicius Silva/Cruzeiro

O portal Globoesporte.com divulgou a informação de que o zagueiro Dedé conseguiu por meio de liminar, sua rescisão contratual indireta com o Cruzeiro. Dedé alegava atrasos salariais de 10 meses, referentes aos direitos de imagem do jogador (R$ 300 mil/mês), 6 meses de atrasos também no salário fixo (R$ 450 mil/mês) e 4 quatro meses sem o depósito do FGTS por parte do clube.

Os salários em atraso já somam R$ 13.782.000, Dedé também cobra na justiça R$ 1.032.000 de 13º salário, mais R$ 1.045.333,32 valor referente as férias do atleta. O juiz Fábio Gonzaga de Carvalho, da 48º Vara do Trabalho, alegou que o clube não apresentou negativa às acusações feitas pela equipe jurídica de Dedé com relação aos atrasos e depósitos do FGTS, o que permitiria pela lei a rescisão do contrato de trabalho. Sendo assim, após a determinação da Justiça do trabalho, Dedé está livre no mercado para assinar com outra equipe. 

Enquete

Carregando...

Colunistas

Carregando...

Podcasts

Carregando...

Saiba mais