Carregando...

Esporte

Polícia Civil reinicia investigações na gestão do Cruzeiro entre 2018 e 2019

A operação denominada “Segundo Tempo” investiga irregularidades cometidas no clube na gestão celeste no período de 2018 a 2019. Durante todo o dia, a Polícia Civil cumpriu mandados de busca e apreensão em Belo Horizonte e em outros estados.

Por Vinícius Silveira e Lucas Ragazzi

Foto: Divulgação/Cruzeiro

A Polícia Civil iniciou a segunda fase de investigações contra ex-dirigentes do Cruzeiro. A operação denominada “Segundo Tempo” investiga irregularidades cometidas no clube na gestão celeste no período de 2018 a 2019.

Durante todo o dia, a Polícia Civil cumpriu mandados de busca e apreensão em Belo Horizonte e em outros estados. A operação corre em segredo de justiça, e os nomes dos investigados não foram revelados.

De acordo com a apuração da reportagem da 98, foram encontrados diversos documentos que agregam as investigações. Como a operação corre em segredo de justiça, a Corregedoria da Polícia Civil instaurou inquérito contra uma pessoa que supostamente teria vazado informações da investigação.

A operação “Segundo Tempo” é uma continuidade da operação anterior denominada “Primeiro Tempo”, que começou em 2019, cumprindo mandados de busca e apreensão. A Justiça chegou a acatar denúncia do Ministério Público contra os ex-dirigentes da gestão entre 2018 e 2019, e outras seis pessoas. 

Enquete

Carregando...

Colunistas

Carregando...

Podcasts

Carregando...

Saiba mais