Carregando...

Esporte

Salum diz que pedirá áudio do VAR em lance polêmico na final do Mineiro

O lance envolvendo Igor Rabello e Eduardo Bauermann aconteceu aos 46 minutos do segundo tempo, quando o América pressionava o Atlético em busca do gol da vitória e do título mineiro.

Por Vinícius Silveira

Foto: Mourão Panda/América

Em entrevista após o jogo, o ex-presidente do América, Marcus Salum informou que vai pedir à Federação Mineira de Futebol (FMF) o áudio do VAR onde o árbitro Felipe Fernandes de Lima checa com o árbitro de vídeo o lance de um possível pênalti do zagueiro Igor Rabello no defensor americano, Eduardo Bauermann

O lance aconteceu aos 46 minutos do segundo tempo, quando o América pressionava o Atlético em busca do gol da vitória e do título mineiro. 

São muitos anos de experiência, muitos anos vividos. E a gente sempre vive mais do mesmo, né? Eu brinquei lá no América que chegar à final já é um grande passo. Ganhar é muito mais difícil, a gente já sabe porquê. Já evoluímos esse ano com o VAR, mas não foi suficiente. Faltou coragem”.

Posteriormente, Salum informou que irá à Federação Mineira de Futebol (FMF) que pedirá o áudio da conversa no VAR.

O América vai solicitar à Federação o áudio do VAR. Porque eu falei isso com o juiz depois do jogo, não é possível que um juiz não vá ver um lance com a contundência que foi. Ele viu que foi pênalti, ele viu que houve um empurrão e foi convencido pelo VAR sem ver as imagens. Foi o que ele nos disse. Impossível isso acontecer”.

A postura de Marcus Salum é apoiada pelo presidente do América, Alencar da Silveira Junior, que emitiu nota a respeito do assunto.

"Diante do ocorrido na partida de ontem, bem como das inúmeras ocorrências envolvendo o VAR nas últimas competições e, sobretudo, buscando maior transparência e clareza dessa importante ferramenta utilizada pela arbitragem, comunico que vamos iniciar um pleito junto à CBF e Federações para que as imagens e áudios do VAR sejam disponibilizadas aos clubes de forma imediata, logo após o término das partidas.

Vale registrar que os clubes pagam (e muito) por tal serviço, pelo que devem ter acesso imediato e irrestrito aos áudios e imagens do VAR.

Temos absoluta convicção de que tal medida contribuirá de maneira significativa para a lisura das decisões das equipes de arbitragem".

O América ainda tem para disputar o Campeonato Brasileiro da Série A, onde fará a estreia contra o Athletico-PR, na Arena da Baixada, domingo (30), às 16 horas. E tem o Criciúma, pela terceira fase da Copa do Brasil.

Enquete

Carregando...

Colunistas

Carregando...

Podcasts

Carregando...

Saiba mais