Carregando...

Esporte

Sérgio Santos Rodrigues está na sede da CBF resolvendo pendências para inscrever os reforços

O mandatário celeste está na sede da CBF, no Rio de Janeiro, buscando solucionar pendências para registrar os reforços do clube e o técnico Felipe Conceição.

Por Guilherme Souza

Foto: Igor Sales/Cruzeiro

Perto da estreia do Campeonato Mineiro, o Cruzeiro busca solucionar dois imbróglios para dar sequência ao planejamento da temporada 2021. O primeiro deles é uma dívida no valor de R$ 2.401.011,40 com o PSTC, do Paraná, referente à venda do zagueiro Bruno Viana ao Olympiacos, da Grécia, em 2016. Em função deste débito, o clube está impedido de registrar jogadores. Com isso, os reforços contratados nesta pré-temporada não poderiam enfrentar o Uberlândia, no sábado (27), às 16h30, no Parque do Sabiá. A segunda situação trata-se de um pagamento da multa no valor de R$ 100 mil reais pela liberação do técnico Felipe Conceição junto ao Guarani de Campinas. 

De acordo com uma fonte ligada ao clube celeste, o clube deve solucionar a dívida com o PSTC até esta quinta-feira. Inclusive, o presidente Sérgio Santos Rodrigues está na CBF tratando pessoalmente desses assuntos, para garantir que tudo será resolvido a tempo para a inscrição dos atletas. O clube já teria, desde a última sexta-feira, a quantia para quitar a pendência. 

Sobre à dívida com o time de Campinas, o Cruzeiro recebeu ontem o número da conta para realizar o depósito da multa rescisória para o Guarani, o que segundo a fonte, teria sido feita no início da tarde de hoje.

Enquete

Carregando...

Colunistas

Carregando...

Podcasts

Carregando...

Saiba mais