Carregando...

Cidades

Anel Rodoviário de BH tem 17 quilômetros sem radares

Os aparelhos foram retirados nos últimos dias em um trecho entre os bairros Califórnia e São Gabriel

Por João Henrique do Vale

A redução de fiscalização eletrônica no Anel Rodoviário de Belo Horizonte é um alerta para os motoristas. Radares que ficavam em um trecho de 17 quilômetros, entre os bairros Califórnia e São Gabriel, foram retirados. De acordo com o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), os aparelhos serão substituídos, mas ainda sem data para isso acontecer.

Já no trecho de 10 quilômetros entre os bairros Califórnia e Olhos D'água, que é de responsabilidade da Via 040, a fiscalização eletrônica segue normalmente.

De acordo com o Dnit, os radares que foram retirados pertencem a uma empresa que venceu uma licitação anterior. Mas, o prazo do serviço terminou.

O órgão informou, ainda, que está cumprindo o acordo judicial homologado em julho de 2019 pela Justiça Federal para a instalação de 1.140 radares eletrônicos em todo o território nacional, visando o controle de velocidade em faixas de tráfego em trechos críticos.

O Dnit ressaltou que os equipamentos são instalados após a aprovação dos projetos e, depois da instalação, passam por aferição do Inmetro. Somente após estas etapas, iniciam a operação, efetivamente.

Enquete

Carregando...

Colunistas

Carregando...

Podcasts

Carregando...

Saiba mais