Carregando...

Cidades

Covid-19: ao menos 26 estabelecimentos são interditados em BH

Fiscalização foi intensificada na capital mineira pela Prefeitura de Belo Horizonte (PBH)

Por João Henrique do Vale

O cerco foi fechado em Belo Horizonte aos estabelecimentos que estão descumprindo os protocolos para impedir a disseminação da Covid-19. De sexta-feira até esse domingo, 18 bares e locais de eventos foram interditados por equipes de fiscais de Controle Urbanístico e Ambiental da Prefeitura de Belo Horizonte.

Nesse domingo, as autuações aconteceram nos bairros de Lourdes, Caiçara, Calafate, Guarani, Planalto, Santa Terezinha e União. Quatro dos locais foram interditados por promoverem festas. 

As autuações aconteceram também entre a noite de sexta-feira e o sábado. Foram interditados oito bares e restaurantes da cidade. Fiscais de Controle Urbanístico e Ambiental da prefeitura também multaram em R$17.614,17 um estabelecimento que fica na Pampulha e descumpriu a interdição.

Por meio de nota, a Subsecretaria de Fiscalização (Sufis) afirmou que dois bares foram multados em R$ 17.614,17 por descumprimento da interdição. A Sufis afirma que já intensificou a fiscalização e aumentou as equipes volantes, compostas por fiscais, agentes de campo e guardas municipais, para autuar os estabelecimentos que descumprirem os protocolos sanitários. Além disso, as equipes realizam o monitoramento de festas clandestinas programadas em redes sociais.

Enquete

Carregando...

Colunistas

Carregando...

Podcasts

Carregando...

Saiba mais