Carregando...

Cidades

Representantes do comércio vão se reunir, nesta quinta-feira, com a Prefeitura de Belo Horizonte (PBH) para discutir a reabertura do comércio na capital mineira. O encontro será entre a integrantes da Câmara de Dirigentes Lojistas de Belo Horizonte (CDL/BH) e da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel). As duas entidades fizeram um protesto nessa quarta-feira e apresentaram um plano de retomada da economia.

Por meio de nota, a PBH afirmou que se dispôs a receber representantes das duas entidades, mas que está verificando um horário que seja compatível para ambas as partes.

Fontes ouvidas pela Rádio 98 indicam que a reunião será por volta das 17h.

Manifestação

Nessa quarta-feira, a CDL e a Abrasel reuniram centenas de pessoas na Praça da Liberdade para cobrar mais transparência e a retomada da economia. Na ocasião, apresentaram um plano de reabertura do comércio, que começaria já em 27 de julho. O estudo foi entregue para o vereador Léo Burguês, que é líder de governo na Câmara Municipal de Belo Horizonte.

O plano indica uma reabertura gradual em cinco etapas. Seria iniciado com abertura de praças no final deste mês. Em agosto, os representantes das entidades sugerem a abertura do comércio de rua, shoppings, restaurantes e bares, em horários escalonados.

Decisão pode impedir reabertura

Decisão do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) dessa quarta-feira determinou que os municípios sigam as deliberações que constam no Minas Consciente, programa de retomada da economia do Governo de Minas. Atualmente, a região Central, onde está inserido Belo Horizonte e cidades da região metropolitana, está na onda verde, onde somente serviços essenciais podem abrir. 

Enquete

Carregando...

Colunistas

Carregando...

Podcasts

Carregando...

Saiba mais