98 Live - Logo
  1. News
  2. Cidades
  3. Reabertura do comércio em BH pode ser anunciada nesta sexta-feira por Kalil

Reabertura do comércio em BH pode ser anunciada nesta sexta-feira por Kalil

Prefeito convocou entrevista coletiva para a tarde desta sexta-feira. Queda na transmissão e na ocupação dos leitos próprios para a Covid-19 deixam empresários otimistas

Por João Henrique do Vale - Cidades29/01/2021
  • whatsapp
  • facebook
  • twitter

A sexta-feira começa com grande expectativa de comerciantes de Belo Horizonte para uma possível reabertura. O prefeito Alexandre Kalil e integrantes do Comitê de Enfrentamento à Covid-19 vão conceder entrevista na tarde de hoje para atualizar a situação da pandemia na capital mineira. Na pauta, também está a flexibilização

A confiança por parte de empresários para uma reabertura está na queda dos indicadores. Nos últimos dias, o número de transmissão da Covid-19 na cidade e a ocupação dos leitos de Unidades de Terapia Intensiva (UTI) e de enfermaria próprios para o atendimento da doença, apresentaram redução. 

De acordo com o boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria de Saúde nessa quinta-feira (28), a taxa de ocupação caiu em 1% em relação a quarta-feira, chegando a 76,4%. Apesar da queda, o alerta para esse indicador ainda é vermelho. No início da semana, o índice estava em 86%.

Já a taxa de transmissão da Covid-19 está no verde. O índice caiu 0,01 ponto percentual e chegou a 0,95. A ocupação das enfermarias caiu em 2,6% e agora está em 57,2%. A capital mineira tem 87.677 casos confirmados da doença, com 2.224 óbitos.

Kalil cogitou abrir na semana que vem

Em declaração na tarde de quarta-feira, o prefeito Alexandre Kalil (PHS) falou sobre a queda dos indicadores e indicou que pode reavaliar a flexibilização na próxima semana. “Eu acredito, que se Deus ajudar, vamos poder começar a pensar nisso na semana que vem”, afirmou o prefeito após votar na eleição da nova direção da Associação dos Municípios da Região Metropolitana de Belo Horizonte (Granbel). 

Na última semana, o prefeito se reuniu com representantes do comércio e recebeu a proposta de abertura de três dias da semana, enquanto em quatro manteria o fechamento.