Carregando...

Cidades

'Se tivéssemos que eleger a rodovia da morte, seria a BR-381', diz Romeu Zema

Governador colocou aeronaves dos Bombeiros, Polícia Militar e Polícia Civil à disposição para auxiliar nas operações

Por Fernando Motta

O governador de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo) se disse "estarrecido" e lamentou o acidente com o ônibus na BR-381 em João Monlevade. O ônibus de turismo caiu do viaduto conhecido como Ponte Torta, na BR-381 entre João Monlevade e Bela Vista de Minas e deixou até o momento 15 mortos e 26 feridos, de acordo com o Corpo de Bombeiros.

"Se tivéssemos que eleger a rodovia da morte, seria a BR-381", disse Zema durante uma live no Instagram na tarde desta sexta-feira (4). Segundo o governador, "muitos trechos já foram duplicados, mas vários ainda têm pistas simples", incluindo a saída de BH.

"Com a duplicação, com toda certeza, esses índices alarmantes de acidentes devem cair", disse.

Zema prestou solidariedade às vitimas e colocou aeronaves dos Bombeiros, Polícia Militar e Polícia Civil à disposição para auxiliar nas operações.

Enquete

Carregando...

Colunistas

Carregando...

Podcasts

Carregando...

Saiba mais