98 Live - Logo
  1. News
  2. Cidades
  3. “Tempo indeterminado”, diz sindicato sobre greve do Metrô de BH

“Tempo indeterminado”, diz sindicato sobre greve do Metrô de BH

Categoria cobra mais condições de segurança para funcionários e usuários do transporte

Por Lucas Rage - Cidades24/06/2020
  • whatsapp
  • facebook
  • twitter

A paralisação do metrô de Belo Horizonte, iniciada nesta quarta-feira (24), não tem previsão para terminar. A informação partiu do vice-presidente do Sindicato dos Metroviários (Sindmetro), Daniel Glória Carvalho

Segundo ele, o principal objetivo da greve é garantir a segurança dos funcionários e usuários do metrô, em tempos de pandemia da Covid-19.

“As tratativas que fizemos com a empresa sobre uma escala que isolasse mais os funcionários, que proporcionasse uma higienização maior do sistema para o usuário, chegaram a um impasse”, disse.

Entre as reivindicações estão um isolamento maior, entre os turnos trabalhados, e uma higienização maior das composições e estações do metrô. “Estamos cobrando também da CBTU a testagem para os casos suspeitos da Covid, que têm surgido em um volume maior agora”, continuou.

Segundo Daniel, os testes solicitados não foram realizados “devido a uma questão burocrática” frente à CBTU.

Com a paralisação do metrô, as composições vão circular entre a capital mineira e Contagem, na região metropolitana, de 5h30 às 10h e das 16h às 20h. A Justiça do Trabalho acatou parcialmente o pedido da Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU) e determinou que nestes horários 100% dos trens sejam utilizados para atender a demanda. 



Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento. Informamos ainda que atualizamos nossa Política de Privacidade.