98 Live - Logo
  1. News
  2. Economia
  3. Minas Consciente: Academias vão para onda amarela para evitar falência no setor

Minas Consciente: Academias vão para onda amarela para evitar falência no setor

Quando Minas começou a passar pelo platô da doença, academias foram readequadas para a Onda Verde, mas agora passaram à Onda Amarela

Por Fernando Motta - Economia26/08/2020
  • whatsapp
  • facebook
  • twitter

O chefe de gabinete da Secretaria de Estado de Saúde, João Pinho, falou sobre a reabertura de academias em cidades que se adequarem à Onda Amarela do programa Minas Consciente.

Inicialmente, esses estabelecimentos - assim como as demais atividades esportivas - foram classificados na chamada Onda Roxa, que só seria adotada após o fim da pandemia. No entanto, a situação foi revisada, levando-se em conta que a maioria das empresas são de pequeno ou médio porte.

Pinho disse a reclassificação foi semelhante à feita com os salões de beleza. Para evitar o risco de falência dessas empresas, num primeiro momento, quando Minas começou a passar pelo platô da doença, elas foram readequadas para a Onda Verde, mas agora passaram à Onda Amarela.

João Pinho disse, no entanto, que os protocolos de distanciamento e higienização nesses locais estão mais rígidos.

Pelas regras do programa Minas Consciente, a Onda Amarela pode ser adotada pelo município que tiver menos de 50 casos confirmados da doença para cada 100 mil habitantes.