98 Live - Logo
  1. News
  2. Economia
  3. Zema descarta aumento do ICMS para combustíveis em Minas

Zema descarta aumento do ICMS para combustíveis em Minas

Declaração acontece em dia de manifestação de caminhoneiros, conta alta tributação no estado

Por Lucas Rage - Economia25/02/2021
  • whatsapp
  • facebook
  • twitter

O governador de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo), descartou a possibilidade de aumento do ICMS para os combustíveis no estado.

Zema foi questionado sobre o tributo durante a entrega de projetos do governo na Assembleia Legislativa, em um dia marcado por protestos de caminhoneiros sobre a tributação de combustíveis no estado.

 Questionado sobre um possível reajuste no ICMS, Zema afirmou que não existe qualquer proposta de aumento. “Nós não vamos aumentar impostos. O ajuste que precisa ser feito é pelo lado da despesa, não por aumento de impostos. O povo mineiro já paga muitos impostos”, afirmou.

Minas tem, atualmente, a segunda maior alíquota do ICMS para a gasolina, com 31%. No caso do diesel, a alíquota é de 15%

Sindtanque critica tributação

O presidente do Sindicato dos Transportadores de Combustíveis (Sindtanque), Irani Gomes, criticou a alta carga tributária para combustíveis no estado. “Estamos lutando para que o ICMS do diesel venha a ser reduzido de 15 para 12%. É uma luta que temos há mais de uma década, e o governo não faz nada para essa categoria”, afirmou.

Transportadores fizeram uma carreata, na manhã desta quinta-feira (25), para pedir reajustes no imposto. Por volta de 10h, o grupo deixou o Portão 1 da Fiat, em Betim, em direção à Cidade Administrativa de Minas Gerais. A categoria pede mais diálogo com o Executivo Estadual.

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento. Informamos ainda que atualizamos nossa Política de Privacidade.