Carregando...

Esporte

América recebe o Internacional pelas quartas de final da Copa do Brasil

No primeiro jogo, o América venceu por 1 a 0, no Beira-Rio e pode garantir vaga inédita para a semifinal da Copa do Brasil com um empate.

Por Vinícius Silveira

Foto: Estevão Germano/América

Buscando uma vaga inédita para a semifinal da Copa do Brasil, o América receberá o Internacional, nesta quarta-feira (18), às 21h30, no Estádio Independência.

A partida é válida pelo segundo jogo das quartas de final e o América tem a vantagem do empate por ter vencido o primeiro embate por 1 a 0, no Beira-Rio, com gol de Rodolfo.

Quem se classificar, enfrentará Palmeiras ou Ceará. O alviverde paulista venceu o primeiro jogo por 3 a 0 e tem a vaga praticamente encaminhada. Além da classificação, também tem a premiação em dinheiro, que chegará aos R$ 7 milhões. Disputando desde a primeira fase, o Coelho já garantiu mais de R$ 10 milhões em premiações.

ZÉ RICARDO É DÚVIDA PARA O TÉCNICO LISCA

O técnico Lisca tem apenas uma dúvida no time para o jogo contra o Internacional. O volante Zé Ricardo saiu da partida contra o Cuiabá, pela Série B, sentindo dores na coxa e será acompanhado pelo departamento médico do Coelho. A definição deve persistir até os vestiários do Independência.

Caso não dê para Zé Ricardo, Lisca tem até três opções para escalar ao lado de Juninho na cabeça de área do América: Flávio ou Sabino. A gente novidade fica por conta do zagueiro Eduardo Bauermann, recuperado de cirurgia no joelho esquerdo. Por não jogar há muito tempo, a tendência é que o defensor fique no banco de reservas.

ABEL BRAGA TEM DESFALQUES IMPORTANTES E LEVA EDENÍLSON COMO DÚVIDA

Para o jogo contra o América, Abel não terá quatro jogadores. São eles: Patrick e Nonato, que testaram positivo para Covid-19. Abel Hernandez, com lesão muscular na coxa direita e Maurício, que já disputou a Copa do Brasil pelo Cruzeiro.

O volante Edenílson pode virar o quinto desfalque de Abel Braga. Na partida contra o Santos sofreu uma pancada e saiu ainda no primeiro tempo. O jogador está entre os relacionados que viajaram para Belo Horizonte e será reavaliado. Se reunir condições, vai para o jogo.

A boa novidade é a presença de Thiago Galhardo. O meia estava com a Seleção Brasileira na partida contra o Uruguai e ficou na reserva durante os 90 minutos. Após o jogo, estava programado um avião fretado para trazer o jogador até Belo Horizonte. A chegada está prevista para a manhã desta quarta-feira.

ESCALAÇÕES

AMÉRICA: Matheus Cavichioli; Diego Ferreira, Messias, Anderson e João Paulo; Zé Ricardo (Flávio), Juninho e Geovane; Ademir, Felipe Azevedo e Rodolfo. Técnico: Lisca

INTERNACIONAL: Marcelo Lomba; Heitor, Zé Gabriel, Víctor Cuesta, Uendel; Rodrigo Dourado, Edenilson (Rodrigo Lindoso), D'Alessandro e Marcos Guilherme; Thiago Galhardo e Yuri Alberto. Técnico: Abel Braga

ARBITRAGEM: Vinicius Gonçalves Dias Araújo apita o jogo. Marcelo Carvalho Van Gasse e Neusa Inês Back são os auxiliares. Rodrigo Guarizo Ferrreira do Amaral é o Árbitro de Vídeo. Todos são de São Paulo.

Enquete

Carregando...

Colunistas

Carregando...

Podcasts

Carregando...

Saiba mais