98 Live - Logo
  1. News
  2. Esporte
  3. CMBA sustenta decisão arbitral e Fred terá que pagar R$18,6 milhões ao Atlético

CMBA sustenta decisão arbitral e Fred terá que pagar R$18,6 milhões ao Atlético

O recurso proposto pela defesa de Fred ainda tramita na Justiça do Trabalho, podendo haver algum tipo de reviravolta no caso.

Por Thais Santos - Esporte10/03/2021
  • whatsapp
  • facebook
  • twitter

Foto: Divulgação/Fluminense

O ex-vice-presidente do Atlético, Lásaro Cândido da Cunha, publicou em seu perfil no twitter uma informação de que o Centro Brasileiro de Mediação e Arbitragem (CMBA) negou os embargos declaratórios feitos pelo Cruzeiro e por Fred, mantendo a decisão arbitral condenatória final que encerra o caso no âmbito arbitral. Fred ainda pode recorrer na justiça do Trabalho.

Após a decisão Fred teria um prazo de 10 dias para pagar o valor de R$ 18,6 milhões de reais ao clube alvinegro. A multa foi gerada, depois da transferência do atacante do Atlético para o cruzeiro em 2017. Existia uma cláusula no contrato com o Galo, que previa um pagamento de R$ 10 milhões de reais (na época) aos cofres alvinegros, caso houvesse a transferência do atleta para o rival.

Considerando a decisão atual, após a intimação da Câmara Nacional de Resoluções e Disputas (CNRD), Fred terá 10 dias para efetuar a quitação da multa, caso o pagamento não ocorra, a CNRD pode determinar a imposição de sanções ao jogador. O caso, no entanto, não tem data para ser finalizado, isso porque o recurso proposto pela defesa de Fred ainda tramita na Justiça do Trabalho, podendo haver algum tipo de reviravolta.

Lásaro Cândido da Cunha ainda detalhou que apesar de não fazer parte da atual diretoria alvinegra, ele segue cuidando de casos judiciais antigos, acatando um pedido do atual vice-presidente do Atlético, José Murilo Procópio e do atual diretor jurídico, Luiz Fernando.

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento. Informamos ainda que atualizamos nossa Política de Privacidade.