98 Live - Logo
  1. News
  2. Esporte
  3. Cruzeiro perde para o Juventude e acaba com as chances de retorno à Série A

Cruzeiro perde para o Juventude e acaba com as chances de retorno à Série A

O Cruzeiro perdeu para o Juventude, por 1 a 0, no Estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul. Com o resultado, o time celeste não tem mais chances matemáticas de conquistar o acesso à Série A.

Por Vinícius Silveira - Esporte16/01/2021
  • whatsapp
  • facebook
  • twitter

O Cruzeiro perdeu para o Juventude, por 1 a 0, no Estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul. A partida valeu pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. O gol alviverde foi marcado por Rafael Grampola, no primeiro tempo.

Com o resultado, o sonho do Cruzeiro de retornar à Série A terminou. O time celeste tem 44 pontos e não conseguiria alcançar o Juventude, quarto colocado com 55 pontos, restando apenas três rodadas a serem disputadas.

Engana-se quem acha que a Série B acabou para o Cruzeiro, pois o time cruzeirense segue na luta contra o rebaixamento para à Série C. Ainda que as chances descenso sejam remotas, elas ainda existem. O clube celeste receberá o Operário-PR, quarta-feira (20), às 21h30. Com uma vitória, a Raposa espanta o risco de queda.

GRAMADO NÃO AJUDA, MAS O FUTEBOL TAMBÉM NÃO

Os dois times começaram a partida procurando o ataque, mas logo de cara sentiram que o gramado encharcado poderia ser um complicador. O time celeste procurava as jogadas, principalmente, pela direita com William Pottker, mas a defesa do Juventude estava bem ajustada.

Se não dava para entrar na grande área, o jeito foi chutar de longe. O meia Giovanni experimentou de perna e Marcelo Carné fez boa defesa. O Juventude errou muitos passes até encontrar em Capixaba um caminho para tentar o ataque.

Aos 21 minutos, Capixaba passou por Matheus Pereira e sofreu pênalti. Na cobrança, Rafael Grampola chutou forte, no meio do gol, com Fábio caindo para o canto esquerdo, abrindo o placar para o Juventude.

O Cruzeiro sentiu o gol e o futebol celeste caiu muito. Ainda que o time cruzeirense tivesse mais posse de bola, não conseguia criar chances de gols. O Juventude apostou nos contra-ataques, mas o goleiro Fábio também foi mero espectador da partida.

FUTEBOL NÃO CRESCE E CRUZEIRO ENCERRA O SONHO DO ACESSO

A etapa final começou como terminou o primeiro tempo. O Cruzeiro buscou o ataque e o Juventude se prendeu na defesa. O time celeste chegou a empatar o jogo com Rafael Sobis, mas o auxiliar deu impedimento em lance muito difícil.

O Cruzeiro teve outras oportunidades com Rafael Sobis e William Pottker, mas a bola teimava em não entrar. O Juventude apostou nos contra-ataques pelo lado esquerdo da defesa celeste. Porém, faltou qualidade nos arremates feitos por Matheuzinho.

Nos minutos finais, Pottker ainda mandou uma bola na trave em chute de fora da área, mas no rebote não havia ninguém para empurrar a bola para as redes. 

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento. Informamos ainda que atualizamos nossa Política de Privacidade.