98 Live - Logo
  1. News
  2. Esporte
  3. Prefeitura de Nova Lima corta verba destinada ao Villa Nova

Prefeitura de Nova Lima corta verba destinada ao Villa Nova

Valor passado pela prefeitura de Nova Lima era importante para o andamento do trabalho no Leão do Bonfim

Por Vinícius Silveira - Esporte20/03/2021
  • whatsapp
  • facebook
  • twitter

Foto: Reprodução/Instagram Villa Nova

O Villa Nova sofreu um duro golpe nesta sexta-feira (19). O clube foi informado que a prefeitura de Nova Lima cortará a verba que destinaria ao Leão do Bonfim. O valor que seria repassado chegaria aos R$ 2,5 milhões.

Segundo clube mais antigo do estado em atividade, o Villa Nova tem como disputa em 2021 apenas o Módulo II do Campeonato Mineiro, pois foi rebaixado em 2020. Ainda no ano passado, o Leão do Bonfim chegou a disputar a Série D do Brasileirão aproveitando a desistência do Patrocinense. Mesmo assim, foi eliminado na primeira fase.

De acordo com a prefeitura de Nova Lima, o Villa Nova não apresenta certidões para receber os recursos e existem pendências nas prestações de contas em anos anteriores.

Confira a nota da prefeitura de Nova Lima

“Com relação à subvenção no valor de R$ 2,5 milhões para o Villa Nova Atlético Clube no exercício 2021, a Prefeitura de Nova Lima esclarece que, após análises técnicas da Procuradoria Jurídica, Controladoria Geral do Município e Secretaria Municipal de Esporte e Lazer, não encontrou mecanismos legais para efetuar tal repasse neste momento, pelos seguintes motivos:

1. O Villa Nova não apresenta as certidões necessárias para receber os recursos;

2. Há pendências de prestação de contas dos anos anteriores;

3. Haveria desvio de finalidade no repasse da subvenção, visto que parte relevante dos recursos seria retida pela justiça para o pagamento de dívidas do clube;

4. Há inquérito civil público em curso no Ministério Público para averiguar a legalidade dos repasses feitos nessas circunstâncias.

A não observância dos requisitos legais pode constituir ato de improbidade administrativa por lesão ao erário (tesouro público), implicando em uma série de penalidades.

Diante disso, a Prefeitura comunicou essa decisão à diretoria do Villa Nova e, aberta ao diálogo, colocou seu corpo técnico à inteira disposição do clube para que uma força-tarefa seja criada na perspectiva de encontrar alternativas, como a busca de parceiros da iniciativa privada para socorrer o clube neste momento de extrema dificuldade.

Na hipótese de regularização das pendências elencadas, a subvenção será repassada, conforme foi aprovada pela Câmara Municipal de Nova Lima. É importante ressaltar ainda que esses recursos deverão ser aplicados na categoria de base, e não no futebol profissional, segundo preconiza a legislação. Por isso, a implantação de um modelo de gestão moderno e eficiente no clube se faz urgente e necessária, de modo que o Villa Nova não dependa exclusivamente de recursos públicos para sua sobrevivência.

A Gestão Municipal reconhece a importância dessa instituição centenária para sua torcida – e também para Nova Lima, inclusive nos cenários esportivos estadual e nacional –, mas reafirma que assumiu o governo com o compromisso de atuar sempre com responsabilidade e transparência na aplicação dos recursos públicos e, sobretudo, agir de acordo com a lei."

A estreia do Villa Nova na temporada 2021 só acontecerá em julho, quando está previsto para começar o Módulo II do Campeonato Mineiro.