Carregando...

Meio ambiente

Incêndio no Cipó: fogo destruiu quase 6% do parque; bombeiros reforçam combate

Três equipes combatem o fogo no local; helicóptero e avião reforçam efetivo

Por Lucas Rage

O Corpo de Bombeiros de Minas Gerais continua o combate às chamas que devastam o Parque Nacional da Serra do Cipó. 

Segundo o Tenente Manoel, comandante das operações de combate ao incêndio no Cipó, três frentes estão mobilizadas para debelar as chamas. Elas estão situadas nas regiões do Capão, Bandeirinhas e Mato Seco.

Ao todo, 21 bombeiros militares atuam no local, em conjunto com brigadistas. A estimativa é de que mais de 1.800 hectares tenham sido destruídos com o fogo, o equivalente a 5,33% da área total do parque.

A partir de hoje, auxiliam no combate às chamas um avião air tractor e um helicóptero, que farão suporte aéreo na operação.

Além do combate às chamas, uma equipe foi deslocada para realizar a proteção de residências do Distrito de Santana do Riacho, que também foi atingido pelas chamas.

Ibitipoca também queima

No Parque Estadual de Ibitipoca, as chamas foram debeladas dentro da área de conservação. Porém, ainda há focos ativos no entorno da unidade que estão sendo monitorados para que o fogo não volte dentro do parque. Aproximadamente 98 pessoas, dentre bombeiros militares, brigadistas, funcionários do IEF e voluntários, trabalham na ocorrência.

Enquete

Carregando...

Colunistas

Carregando...

Podcasts

Carregando...

Saiba mais