98 Live - Logo
  1. News
  2. Polícia
  3. Violência contra a mulher dispara na pandemia e polícia faz apelo por denúncias

Violência contra a mulher dispara na pandemia e polícia faz apelo por denúncias

Delegada disse que é importante não sentir vergonha de buscar auxílio e que ciclo de violência tem que ser quebrado o quanto antes

Por Da redação - Polícia26/01/2021
  • whatsapp
  • facebook
  • twitter

A Pandemia de Covid-19 elevou o alerta para crimes praticados contra mulheres, no Brasil. O volume de ocorrências do tipo dispararam no país e em Minas Gerais, e acendem uma luz para crimes como o feminicídio e a violência doméstica.

A Doutora Ana Paula Balbino, Delegada de Polícia da Delegacia Especializada em Atendimento à Mulher, conversou com o Central 98 na manhã desta terça-feira (26) e destacou que no início da pandemia, os casos eram pouco denunciados.

"No início da pandemia, o cenário foi de certa diminuição dos números de registro de ocorrências. Então houve o questionamento: Será que esses números estão reduzindo ou essas mulheres estão tendo dificuldades de buscar esse auxílio?", questionou.

Segundo ela, os fatores de risco foram intensificados durante o período: bebidas alcoólicas em excesso, drogas ilícitas e diminuição da renda familiar.

A delegada destacou que há mulheres que sofrem caladas há 20 anos e fez um apelo para que as denúncias sejam feitas o quanto antes. "É importante buscar esse auxílio no início, para romper esse ciclo, evitar que se intensifique até para evitar um eventual feminicídio. Não sentir vergonha de buscar esse auxílio", disse.

Confira a entrevista completa:



Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento. Informamos ainda que atualizamos nossa Política de Privacidade.