98 Live - Logo
  1. News
  2. Política
  3. CPI da BHTrans é protocolada na Câmara Municipal de Belo Horizonte

CPI da BHTrans é protocolada na Câmara Municipal de Belo Horizonte

Os vereadores também protocolaram a criação de uma Comissão para apurar os gastos da prefeitura na pandemia

Por Lucas Ragazzi - Política10/05/2021
  • whatsapp
  • facebook
  • twitter

Após semanas de articulações e conversas, vereadores de Belo Horizonte protocolaram, nesta segunda-feira (10), a criação de duas Comissões Parlamentares de Inquérito (CPI) na Câmara Municipal. As CPIs tratam de temas sensíveis e podem gerar desgastes ao prefeito Alexandre Kalil (PSD). Agora, os pedidos vão ser analisados pela presidente da Casa e as duas comissões podem ser abertas ainda nesta semana.

A primeira CPI protocolada foi a “CPI da Caixa-Preta da BHTrans”, que pretende apurar possíveis irregularidades nos contratos entre a BHTrans e a Prefeitura de Belo Horizonte. Essa CPI vinha sendo proposta, desde 2018, pelo vereador Gabriel Azevedo (Patriota), mas só agora obteve as assinaturas necessárias - foram 22 vereadores favoráveis à CPI. 

A outra comissão protocolada pretende fiscalizar a utilização das verbas municipais durante a pandemia, e será chamada “CPI dos Gastos da Pandemia”

Ao todo, 14 vereadores assinaram o pedido - eram necessárias justamente 14 assinaturas. Além da oposição, também assinaram o pedido os vereadores Reinaldo Gomes (MDB) e Marilda Portela (Cidadania).

As duas comissões foram protocoladas pelo vereador Wesley da Autoescola (PROS).