Carregando...

Saúde

O prefeito de Betim, Vittorio Medioli anunciou que o município aderiu ao programa estadual "Minas Consciente". O programa pertence ao governo do estado e tem o objetivo de enfrentar a pandemia do coronavírus. A informação foi dada ontem, 14, e a adesão é válida a partir de amanhã, dia 16.

Betim passa a seguir as normas do programa para a região Central, que atualmente está na chamada "Onda Verde". Esta é etapa  mais restrita de todas.

A cidade tem agora a possibilidade de abrir somente serviços considerados essenciais segundo o Estado. Os protocolos de funcionamento são definidos pela Classificação Nacional de Atividades Econômicas (CNAE).

Com a Onda Verde partes da economia terão de voltar a fechar. São elas:

• Salão de beleza

• Clínicas de estética 

• Camelódromo

• Lojas de vestuário e calçados

• Eletrodomésticos

• Academias 

• Shopping centers

As atividades autorizadas a funcionar deverão continuar obedecendo o revezamento. Vale lembrar que o horário restrito, de 10h às 16h, deve ser mantido como previsto no último decreto municipal.

Igrejas e templos religiosos ficam autorizados a realizar cultos e celebrações. Porém, devem celebrar o Termo de Ajustamento Municipal (TAM) junto à Procuradoria Geral do Município. A regras de biossegurança também devem ser mantidas.

O Plano Minas Consciente, sugere a retomada gradual de comércio, serviços e outros setores, através de adoção de um sistema de critérios e protocolos sanitários, que garantam a segurança da população.

Enquete

Carregando...

Colunistas

Carregando...

Podcasts

Carregando...

Saiba mais