98 Live - Logo
  1. News
  2. Saúde
  3. Secretário de Saúde aponta tendência de alta da Covid-19 em MG e pede cautela

Secretário de Saúde aponta tendência de alta da Covid-19 em MG e pede cautela

Secretário de Estado de Saúde, Carlos Eduardo, afirmou que os cuidados da população devem continuar, pois os casos vêm aumentando

Por João Henrique do Vale - Saúde27/05/2020
  • whatsapp
  • facebook
  • twitter

Nos últimos dias, Minas Gerais registra aumento significativo no número de infectados com a Covid-19. Balanço divulgado nesta quarta-feira pela Secretaria de Estado de Saúde (SES/MG) mostra que mais de 8 mil casos foram confirmados e 240 pessoas não resistiram a doença.

De acordo com o Secretário de Estado de Saúde, Carlos Eduardo, alguns fatores contribuem para este aumento, que já era esperado. "Temos efetivamente mais casos agora do que o inicio da epidemia. Lembrando que os casos vão dobrando a cada tempo até se aproximar do pico", afirmou.

Outro ponto abordado pelo secretário é a estratégia de alguns municípios de fazerem testes rápidos na população. "Vale destacar que, quando o teste dá positivo, é incluído na lista. Porém, vale lembrar que a pessoa com teste positivo pode ter sido contaminada antes. Mostra que ela já teve contato com a doença", esclareceu.

Com a tendência de aumento no número de casos, Carlos Eduardo fez um alerta. "É fundamental que os gestores e a sociedade saibam que estamos no meio da epidemia e que vamos ter aumento dos casos. Temos que tomar as medidas para ter um aumento controlado", explicou.

Subnotificação

O secretário de Saúde admitiu que pode ter subnotificação da doença no território mineiro. "É importante que todos entendam que de uma forma geral, podemos ter casos que não sejam casos contabilizados, por ser assintomáticos e outros que não entram no protocolo. Então a população tem que ter essa noção. Temos um protocolo definido para realização de exames. A ideia é manter esse protocolo para acompanhar a epidemia, a evolução de casos e ter a noção da capacidade hospitalar", disse Carlos Eduardo. 

Serviços ociosos

O aplicativo Saúde Digital MG, disponibilizado pelo Governo de Minas, está recebendo poucos acessos. A plataforma está disponível para as pessoas tirarem dúvidas sobre a Covid-19.

"Estimulamos que as pessoas entrem no aplicativo, pois lá terão informações sobre a doença. O aplicativo está subutilizado. Temos profissionais de saúde que estão com a capacidade ociosa. Então, a plataforma pode ser mais útil e mais aproveitada pela sociedade", afirmou Carlos Eduardo. 

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento. Informamos ainda que atualizamos nossa Política de Privacidade.