98 Live - Logo
  1. News
  2. Saúde
  3. UFMG pesquisa droga para a cura da Covid-19; 98 entrevista pesquisador do projeto

UFMG pesquisa droga para a cura da Covid-19; 98 entrevista pesquisador do projeto

Medicamento é testado em parceria com duas universidades brasileiras, e pode ter eficácia de 94% contra o novo coronavírus

Por Paulo Leite - Saúde15/04/2020
  • whatsapp
  • facebook
  • twitter

Na manhã de hoje o Ministro das Ciências e Tecnologia, Marcos Pontes - que na segunda-feira esteve em Belo Horizonte - anunciou que dois remédios conhecidos e já comercializados são eficientes contra o novo coronavírus.

Análises em células infectadas mostraram que um desses medicamentos, que é de baixo custo e apresenta poucos efeitos colaterais, apresentou eficácia de 94%.O ministro ressalvou porém que "como ainda faltam testes em pacientes o nome da substância não foi divulgado, por questões de segurança”.

Pontes disse que nas próximas semanas, 500 pacientes internados com a covid-19 começarão a receber os medicamentos em caráter experimental e serão monitorados ao longo de 14 dias com os estudos clínicos sendo feitos em sete hospitais das Forças Armadas, cinco no Rio de Janeiro, um em São Paulo e outro em Brasília. O ministro previu ainda que a disponibilidade do tratamento para o grande público será a partir de meados de maio.

Na última semana, a Rádio 98 recebeu informações de que o Departamento de Pesquisa da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) estaria testando alternativas no combate à Covid-19. 

Em contatos com profissionais do Departamento de Pesquisa, obtivemos a informação de que a UFMG desenvolve em seu centro de pesquisa um teste eficiente para a detecção da Covid-19 e, surpreendentemente, realiza há mais de um ano pesquisas conjuntas com duas outras universidades brasileiras de um antiviral. 

Segundo pesquisador entrevistado pela 98 - que terá a identidade preservada - a droga estaria sendo testada em pacientes contaminados pelo coronavirus

Confira a entrevista completa:

98 Live: Em que estágio de desenvolvimento esta a pesquisa do Departamento?

Pesquisador: Já avançamos bastante nesse tempo. Nossas pesquisas apontam para uma droga anti viral de elevada eficiência mas que ainda depende de testes em humanos para sua certificação.

98 Live: Já se pode afirmar que ela será eficiente também no combate a COVID 19?

Pesquisador: Não. Estamos mantendo conversas com outros pesquisadores e autoridades da Saúde para testarmos os efeitos da droga nos pacientes contaminados pelo coronavirus. Tudo o que se afirmar nesse sentido é especulação, mas estamos diante de uma droga muito eficiente no combate às complicações respiratórias advindas de contaminação viral e os testes em pacientes que tenham contraído a doença poderão revelar a eficácia da droga.

98 Live: Quais os próximos passos da pesquisa sobre essa droga?

Pesquisador: Não sou eu a pessoa mais adequada para dar essa informação, porém posso afirmar que o Departamento está disponível para oferecer a droga para ser testada.

98 Live: Poderia nos dizer quem já entrou em contato com a UFMG para dar continuidade à pesquisa?

Pesquisador: Tudo o que podia ter falado a respeito desse assunto já falei. Um abraço.

A conversa transcrita acima é a reprodução fiel da conversa mantida com um dos pesquisadores. Ao final de nossa conversa, passados aproximadamente 20 minutos, ele apagou todas as respostas enviadas.