Carregando...

Saúde

Vacina chinesa contra Covid-19 chega ao Brasil e testes serão iniciados

As doses foram encaminhadas para o Instituto Butantan, em São Paulo, responsável pelo estudo

Por Da redação

As vacinas do laboratório chinês Sinovac Biotech contra o novo coronavírus, que deve começar a ser testada no Brasil nesta segunda-feira, já chegou no território nacional. Os produtos foram levados para o Instituto Butantan, em São Paulo, responsável pelo estudo. O local é um dos 12 centros no país que conduzirão o estudo com 9 mil voluntários

O material deixou Frankfurt, na Alemanha, e chegou no Brasil depois de 11 horas de viagem. A carga chegou no Aeroporto de Cumbica, em Guarulhos, na Região Metropolitana de São Paulo. A Comissão Nacional de Ética em Pesquisa (Conep) já autorizou o início dessa fase de testes clínicos com a vacina, que devem acontecer por três meses. 

Os testes serão realizados em voluntários de São Paulo, Rio Grande do Sul, Minas Gerais, Paraná e Distrito Federal. Os participantes não podem ter sido infectados pelo vírus nem devem participar de outros estudos. Mulheres não podem estar grávidas ou planejar gravidez por três meses. 

As pesquisas começarão na Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP) e, após autorização, serão realizadas também na Universidade de Brasília (UnB); no Instituto Nacional de Infectologia Evandro Chagas, no Rio de Janeiro; no Centro de Pesquisa e Desenvolvimento de Fármacos da Universidade Federal de Minas Gerais; no Hospital São Lucas da PUC do Rio Grande do Sul e no Hospital das Clínicas da Universidade Federal do Paraná. Teste parecido é feito com a vacina desenvolvida pela Universidade de Oxford (Inglaterra), em São Paulo e no Rio de Janeiro.


Enquete

Carregando...

Colunistas

Carregando...

Podcasts

Carregando...

Saiba mais