98 Live - Logo
  1. News
  2. Saúde
  3. Zema lamenta marca de mil mortes mas diz que 'fez tudo que estava ao alcance'

Zema lamenta marca de mil mortes mas diz que 'fez tudo que estava ao alcance'

Governador citou ampliação de leitos em mais de 50% em 100 dias e disse que "hospital de campanha vai entrar em funcionamento assim que necessário"

Por Fernando Motta - Saúde01/07/2020
  • whatsapp
  • facebook
  • twitter

O governador Romeu Zema concedeu entrevista coletiva na tarde desta quarta-feira (1º) para lamentar que Minas tenha ultrapassado a marca de mil mortes pela Covid-19.

Zema se solidarizou com as famílias que perderam entes queridos, mas disse que "tudo que estava ao alcance do Estado foi feito".

Ele disse que, em fevereiro, Minas tinha 1072 leitos de UTI e, atualmente, tem 3234. "Em 100 dias, conseguimos ampliar em mais de 50% e estamos ampliando ainda", disse.

O governador disse que o "hospital de Campanha que vai entrar em funcionamento assim que necessário", sem dar mais detalhes sobre a possível data.

Desde a última quinta-feira, o Hospital de Campanha do Expominas, na Gameleira, região Oeste de Belo Horizonte, está autorizado a funcionar mesmo antes do governo contratar uma Organização Social (OS) para gerir os serviços no local. A deliberação permite que o hospital funcione de forma escalonada e gradual.