Carregando...

Cidades

Imagem: Secretaria de Estado de Educação / Divulgação

Após suspender greve sanitária, professores voltam às salas de aula nesta quinta

A suspensão foi deliberada nessa terça-feira, após o Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) determinar o fim imediato da paralisação

Por João Henrique do Vale

Os professores da rede estadual de ensino de Minas Gerais suspenderam a greve sanitária, depois de 16 dias de paralisação. A deliberação foi feita nessa terça-feira em assembleia virtual. Na última semana, o Tribunal de Justiça determinou o fim imediato da paralisação. 

Nessa terça-feira, representantes do Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação de Minas Gerais (Sind-UTE/MG) participaram de uma audiência de conciliação no TJMG. 

A categoria afirma que os dias paralisados, entre 2 e 18 de agosto, não serão caracterizados como faltas comuns, sendo considerada falta greve e a reposição deverá ser feita em até 90 dias, de forma presencial. O retorno presencial das atividades acontece a partir desta quinta-feira. 

O Sind-UTE afirma que cobrou a antecipação da segunda dose da vacina contra a Covid-19 para os profissionais da educação. 

Enquete

Carregando...

Colunistas

Carregando...

Podcasts

Carregando...

Saiba mais