Carregando...

Cidades

BH antecipa vacinação de pessoas com comorbidades e chama novo grupo para 2ª dose

Pessoas com comorbidades de 39 a 18 anos e trabalhadores da saúde de 42 a 39 anos estão contemplados na nova fase

Por Carol Torres

Pessoas com comorbidades de 48 a 18 anos completos até 31 de maio podem buscar, nesta terça-feira (25), os postos de vacinação para tomar a primeira dose do imunizante contra a Covid-19. A princípio, a vacinação do público com comorbidades de 39 a 18 anos estava prevista para amanhã, mas o calendário foi antecipado pela Prefeitura de Belo Horizonte. Para se vacinar é necessário ter preenchido o cadastro no portal da Prefeitura até 16 de maio, às 23h59.

Também já podem se dirigir aos locais de imunização, trabalhadores da saúde de 42 a 39 anos que irão tomar a segunda dose da CoronaVac. Cerca de 6 mil pessoas poderão concluir o esquema vacinal. 

A Secretaria Municipal de Saúde reforça que as vacinas para este público estão garantidas, não sendo necessário chegar aos locais antes do horário inicial. Quem não compareceu no dia definido pelo cronograma da PBH também pode buscar os postos para iniciar ou completar a vacinação.

Conforme determinação do Ministério da Saúde, a vacinação para gestantes e puérperas sem comorbidades está suspensa.

Trabalhadores da Saúde

Para se imunizar é necessário levar o cartão de vacina, documento de identidade e CPF. O horário de funcionamento será das 7h30 às 16h30 em pontos fixos e das 8h às 16h30 em pontos de drive-thru. Os endereços estão disponíveis no portal da Prefeitura. Os usuários devem ficar atentos aos locais de vacinação, já que por questões de logística os pontos são alterados frequentemente.

Pessoas com comorbidades

A vacinação para este público será em postos fixos e extras, das 7h30 às 16h, e em pontos de drive-thru, das 8h às 16h. Os endereços estão disponíveis no portal da Prefeitura.

Além de ter preenchido o cadastro no site, é necessário apresentar documentos como exames, receitas, relatório médico e/ou prescrição médica. Os comprovantes devem conter o número do registro do respectivo conselho de classe, de forma legível, e terem sido emitidos em até 12 meses antes da data do cadastro.

Todas as declarações apresentadas são de total responsabilidade da pessoa e de quem as emitiu. O cadastro será enviado aos órgãos de controle externo e, em caso de informações inverídicas, ficarão sujeitos às responsabilizações administrativas, civis e penais aplicáveis.

No momento da vacinação, o público precisa seguir as seguintes orientações:

- Apresentar exames, receitas, relatório médico e/ou prescrição médica emitidos em até 12 meses antes da data do cadastro;

- Apresentar documento de identificação com foto;

- Apresentar comprovante de residência em Belo Horizonte;

- Ter preenchido cadastro para a vacinação, de forma válida, até 23h59 de 16 de maio;

- Não ter recebido vacina contra a Covid-19;

- Não ter recebido qualquer outra vacina nos últimos 14 dias;

- Não ter tido Covid-19 com início de sintomas nos últimos 30 dias.

A lista de comorbidades está disponível aqui. 

Enquete

Carregando...

Colunistas

Carregando...

Podcasts

Carregando...

Saiba mais