Carregando...

Cidades

Imagem: Cemig / Divulgação

Cemig marca para sexta a abertura das comportas da Usina Hidrelétrica de Três Marias

Operação será feita após a usina atingir a maior vazão afluente média diária da sua história

Por João Henrique do Vale

Depois de adiar a abertura das comportas da Usina Hidrelétrica de Três Marias, na Região Central de Minas Gerais, a Cemig marcou para sexta-feira o início da operação. A retomada dos trabalhos será possível, segundo a Companhia, pela tendência da redução das vazões no Rio São Francisco entre a foz do Rio Abaeté e a cidade de Pirapora. 

Por causa do grande volume de chuva, a Usina de Três Marias atingiu, nesta quarta-feira, a maior vazão afluente média diária de seu histórico de operação, estimada em 8.500 m³/s (metros cúbicos por segundo). “O maior evento até então tinha sido registrado em 12/02/1983, quando o reservatório recebeu uma vazão média diária de 7.245 m³/s”, explicou a Cemig. 

A Companhia prevê que o reservatório receba o maior volume já registrado no histórico para o mês de janeiro. ”A liberação de água através da geração de energia permanece em 850 m³/s e o reservatório segue ganhando nível de forma rápida, sendo necessário que a abertura de comportas ocorra com a maior brevidade possível”, completou. 

Veja o cronograma de abertura das comportas 

Sexta-feira: abertura das comportas com 500 m³/s às 8h00, totalizando 1.350 m³/s de defluência; 

Sábado: ampliação do vertimento para 850 m³/s às 8h00, totalizando 1.700 m³/s de defluência; 

Domingo: ampliação do vertimento para 1.400 m³/s às 8h00, totalizando 2.250 m³/s de defluência; 

Segunda-feira: ampliação do vertimento para 2.000 m³/s às 8h00, totalizando 2.850 m³/s de defluência. 

Enquete

Carregando...

Colunistas

Carregando...

Podcasts

Carregando...

Saiba mais