Cidades

  1. Notícias
  2. Cidades
  3. Chuva em BH: manhã é de alagamentos, quedas de árvores e caos no trânsito
Imagem: BHTrans / Divulgação

Chuva em BH: manhã é de alagamentos, quedas de árvores e caos no trânsito

Defesa Civil emitiu alerta para deslizamentos em Belo Horizonte


Por João Henrique do Vale

Belo Horizonte vive mais um dia de caos no trânsito. Devido a chuva que atinge a capital mineira desde o início da madrugada desta segunda-feira, alagamentos foram registrados e quedas de árvores. O risco de inundação também fez a prefeitura fechar as avenidas Tereza Cristina e Vilarinho. A Defesa Civil emitiu um alerta para o risco de deslizamentos na cidade. 

Durante a madrugada, a Avenida Vilarinho foi tomada pela a água. O córrego, de mesmo nome da via, transbordou e provocou alagamentos. O local ficou fechado por quase uma hora devido às ocorrências. Interdição também foi realizada Avenida Teresa Cristina devido ao risco dos córregos Ferrugem e Ribeirão Arrudas saírem dos seus leitos. 

Na Avenida Cristiano Machado, um grande alagamento fechou a via em frente a Estação São Gabriel, na Região Nordeste de Belo Horizonte. Devido a interdição, um longo congestionamento se formou. A fila de veículos atingiu o Anel Rodoviário

Na Rua Deputado Álvaro Sales, no Bairro Santo Antônio, Região Centro-Sul da capital, uma árvore caiu e fechou a via. Ninguém ficou ferido. O Corpo de Bombeiros foi acionado para retirar os galhos da pista. 

Na Vila Biquinhas, uma casa desabou parcialmente. De acordo com o Corpo de Bombeiros, ninguém ficou ferido. Os militares isolaram o local e a Defesa Civil vai fazer uma vistoria no imóvel e casas vizinhas. 

No Bairro Dom Silvério, Região Nordeste de BH, um muro desabou. A ocorrência foi registrada na Rua Walmir Dias dos Santos. Não há informações sobre feridos. 

Outro desabamento aconteceu na Rua Castanhal, no Bairro São Gabriel. Três equipes dos bombeiros foram ao local, e constataram a varanda de uma residência colapsada. Uma criança de 3 anos teve ferimentos leves, e foi encaminhada ao Hospital Risoleta Neves.

No Hipercentro, quedas de árvores complicam o trânsito. Ocorrência interditou a Rua Santa Catarina, entre Avenidas Augusto de Lima e Amazonas. Fechados também os cruzamentos da Santa Catarina com Bias Fortes e Augusto de Lima com Curitiba.

Risco de deslizamentos 

Com a previsão de mais chuva para os próximos dois dias, aumenta o risco de deslizamentos, quedas de muros e desabamentos. Por causa disso, a Defesa Civil emitiu um alerta para o risco geológico alto até a próxima sexta-feira. 

Os moradores devem ficar atentos a alguns sinais que podem indicar deslizamentos e desabamentos, como: trincas nas paredes, água empoçando no quintal, portas e janelas emperrando, rachaduras no solo, água minando da base do barranco e inclinação de árvores e postes. 

 A Defesa Civil recomenda que os moradores coloquem calhas no telhado das casas, consertem vazamentos em reservatórios e caixas-d'água, não joguem lixo ou entulho na encosta e não despejem esgoto nos barrancos.

Colunistas

Carregando...

Enquete

Carregando...

Saiba mais