Carregando...

Cidades

Dupla é presa em Minas por falsificar notas de R$ 200; grupo falsificou milhões

Os alvos foram encontrados durante operação da Polícia Federal

Por João Henrique do Vale

Investigações da Polícia Federal (PF) identificaram uma quadrilha responsável por diversas falsificações de dinheiro. O grupo falsificou até mesmo a nota de R$ 200, recém criada pelo Governo Federal. A estimativa da polícia é que o bando tenha produzido mais de R$ 10 milhões.

De acordo com a PF, foi identificado, em Ituiutaba, um laboratório, considerado um dos maiores do país, para a fabricação das moedas falsas. O grupo copiava as notas de R$ 10, R$ 20, R$ 50, R$ 100, e até mesmo a de R$ 200. Os criminosos usavam maquinários diversificados e várias técnicas gráficas para simular os itens de segurança das cédulas verdadeiras.

Os agentes, durante a ação, conseguiram encontrar mais de R$ 500 mil em cédulas falsas, além de materiais utilizados para a falsificação de moeda, como várias impressoras diferentes, laminadoras, guilhotinas, máquina de cola quente, telas de marcação, telas de luz, secadores, CPUs, diferentes folhas com marcas d´água e simulações de itens de segurança, invólucros com tintas diversas, papéis diversos para impressão de cédulas, equipamento gráfico.

Dois homens foram presos em flagrante e dois fugiram. Os investigados responderão pelos crimes de moeda falsa e organização criminosa. Se condenados, podem cumprir até 20 anos de reclusão.

Enquete

Carregando...

Colunistas

Carregando...

Podcasts

Carregando...

Saiba mais