Cidades

  1. Notícias
  2. Cidades
  3. Empresas de ônibus de BH ainda não aumentaram número de viagens; entenda
Imagem: Adão de Souza/PBH

Empresas de ônibus de BH ainda não aumentaram número de viagens; entenda

Consórcios vão começar a receber, ainda neste mês, subsídio de R$ 237 milhões


Por Déborah Lima

As empresas de ônibus de Belo Horizonte ainda não aumentaram a quantidade de viagens, a partir desta segunda-feira (4), mesmo após o prefeito Fuad Noman sancionar lei que autoriza subsídio de R$ 237 milhões para os consórcios. Isso porque elas ainda terão 10 dias para adequação, conforme acordo firmado entre as partes.

O Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros de Belo Horizonte (SetraBH) informou que nesse período de 10 dias após a sanção da legislação, a Prefeitura de Belo Horizonte irá trabalhar na sua regulamentação e as empresas de transporte coletivo irão usar esse tempo para se preparar para atender, de início, o aumento em 15% do número de viagens ofertadas para a população.

“A PBH estima que o primeiro repasse de verbas para as empresas de ônibus poderá ser feito na segunda semana de julho, uma vez cumpridas as condições estabelecidas na regulamentação e realizado o primeiro aporte”, afirmou o Setra-BH.

A expectativa é que a Superintendência de Mobilidade faça, até o dia 11, o primeiro aporte às empresas de ônibus. Quinze dias após esse aporte, cerca de 22 mil viagens por dia devem ocorrer na cidade. Caso não ocorra o aumento das viagens, o repasse deverá ser suspenso.

Confira todas as regras que devem ser cumpridas pelas empresas

Colunistas

Carregando...

Enquete

Carregando...

Saiba mais