Carregando...

Cidades

Imagem: Cremerj/Divulgação

Morador de Viçosa é suspeito de tomar quatro doses de vacinas contra a Covid-19

O caso foi denunciado pela prefeitura da cidade e está sendo investigado pelo Ministério Público

Por João Henrique do Vale

O Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) vai investigar a denúncia da prefeitura de Viçosa contra um morador que é suspeito de tomar quatro doses de vacinas contra a Covid-19, sendo três delas na cidade. A administração municipal identificou a irregularidade ao consultar o Sistema de Informações do Programa Nacional de Imunizações. Casos semelhantes estão sendo apurados em Belo Horizonte. 

Em Viçosa, a suspeita de irregularidade aconteceu depois que um homem, de 61 anos, procurou a equipe de imunização e afirmou que tinha perdido a data correta de vacinação. “Após a aplicação do imunizante e conferência de dados, pois o morador apresentou apenas o seu CPF, foi constatado que o mesmo havia tomado duas doses da Coronavac, em Viçosa, uma da Astrazeneca, na cidade do Rio de Janeiro, e a última da Pfizer, também em Viçosa”, afirmou a prefeitura. 

O Ministério Público de Minas Gerais e a procuradoria-geral do Município foram acionados para investigar o caso. 

Belo Horizonte 

Casos semelhantes estão sendo relatados em diferentes cidades brasileiras. Em Belo Horizonte, irregularidades semelhantes estão sendo apuradas. “A Prefeitura de Belo Horizonte informa que há casos em investigação, mas ainda pendentes de confirmação. É importante ressaltar que todas as equipes de vacinação são orientadas a verificar o cartão antes de aplicar as doses contra a Covid-19. Os pontos de imunização são diariamente monitorados pela Secretaria Municipal de Saúde”, afirmou a Secretaria de Saúde. 

Enquete

Carregando...

Colunistas

Carregando...

Podcasts

Carregando...

Saiba mais