Cidades

  1. Notícias
  2. Cidades
  3. Pânico no BH Shopping: bandidos que roubaram joalheria ainda são procurados
Imagem: Reprodução

Pânico no BH Shopping: bandidos que roubaram joalheria ainda são procurados

Grupo roubou relógios avaliados em até R$ 300 mil na tarde de sábado, véspera do Dia das Mães


Por Lucas Rage

A polícia continua as buscas pelos bandidos que roubaram uma joalheria no BH Shopping, no Belvedere, Região Centro-Sul da capital.

A ação de criminosos levou pânico ao centro de compras no sábado, véspera do Dia das Mães. Ao todo, 13 relógios foram roubados da joalheria, avaliados entre R$ 40 mil e R$ 300 mil. Nove pessoas são procuradas. Dois veículos usados pelos bandidos foram abandonados e incendiados. Segundo a Polícia, eles foram roubados em São Paulo.

Segundo testemunhas ouvidas pela Rede 98, o assalto era planejado há dias pelos bandidos. Um gerente de loja que trabalha no BH Shopping afirmou que eles eram vistos próximos à joalheria, com ponto eletrônico, dias antes do crime. Ele ainda criticou a redução no número de seguranças que trabalham no shopping — segundo ele, 150 profissionais foram demitidos.

O Grupo Multiplan, gestor do espaço, nega que seguranças tenham sido demitidos. A organização afirma que o efetivo aumentou recentemente.

Crime não é inédito em BH

Essa não é a primeira vez que assaltantes invadem e roubam uma joalheria dentro de um shopping de Belo Horizonte. Em 2012, uma quadrilha foi responsável por assaltar uma unidade da Manoel Bernardes do Pátio Savassi, também na Região Centro-Sul da capital.

À época, foram roubados vários relógios avaliados em R$ 20 mil cada. Uma vendedora foi baleada ao tentar acionar o alarme. Uma mulher foi presa pelo crime.

Colunistas

Carregando...

Enquete

Carregando...

Saiba mais