Carregando...

Cidades

Imagem: Divulgação/PBH

Saiba como será o planejamento da PBH para receber 100% dos estudantes nas escolas

O retorno de todos os alunos está marcado para o próximo dia 18

Por João Henrique do Vale

Estudantes de Belo Horizonte que desejam retomar às aulas presenciais vão poder voltar para as salas de aula em 18 de outubro. A Prefeitura autorizou o retorno de 100% dos alunos. Como a decisão das famílias vai prevalecer, as aulas virtuais vão continuar sendo ministradas. O executivo municipal garante que há profissionais suficientes para as duas modalidades de ensino.

A Secretaria Municipal de Educação afirma que, além de autorizado o atendimento em todos os dias da semana sem necessidade de escalonamento, o ensino remoto continuará sendo oferecido tanto para as famílias que ainda não se sintam confortáveis com o retorno, como para completar a carga horária, pois as horas de aula presencial não serão  suficientes para fechamento regular do ano letivo.

A pasta esclarece que no ensino remoto o conteúdo é o mesmo do presencial. “As crianças recebem as mesmas atividades dos alunos que estão no presencial e são viabilizadas interações semanais com as famílias para esclarecimento das dúvidas e orientação para a realização dos roteiros de atividades, que são também disponibilizados de forma impressa”, informou.

A prefeitura afirma que há professores suficiente s para atender as duas demandas, ou seja, para as aulas presenciais e as virtuais. “A organização para esse funcionamento híbrido, remoto e presencial, se baseia no quadro de professores da Rede Municipal,  todos servidores concursados. Para viabilizar essa proposta, há 3 professores envolvidos com cada 2 turmas de estudantes. Desta forma, um dos professores do trio assume toda interação remota com os que estão em casa ou os três se organizam para trabalhar parte no presencial e parte no remoto”, comentou.

Ensino infantil

A expectativa para um novo chamamento das crianças de 0 a 5 anos que desejam retomar às aulas presenciais. Segundo a Secretaria Municipal de Educação, as escolas já estão orientadas a fazer novo chamamento das famílias que, até o momento, não aderiram ao presencial, especialmente aquelas que manifestaram que não estavam levando as crianças por causa do rodízio que existia até então. “A expectativa é de que com as novas possibilidades trazidas pela flexibilização a adesão ao retorno presencial seja ampliada significativamente a partir do dia 18/10”, finalizou.

Enquete

Carregando...

Colunistas

Carregando...

Podcasts

Carregando...

Saiba mais