Cidades

  1. Notícias
  2. Cidades
  3. Tragédia de Mariana: Zema se reúne com ministro para discutir revisão de acordo
Imagem: Antonio Cruz/ Agência Brasil

Tragédia de Mariana: Zema se reúne com ministro para discutir revisão de acordo

O desastre de 2015 causou a morte de 19 pessoas e danos ambientais e socioeconômicos de grandes proporções


Por Da redação

As tratativas para tentar uma repactuação do acordo firmado com a empresa Samarco – que é controlada pela Vale e a BHP Billinton – em virtude do rompimento da barragem do Fundão, em Mariana, continuam. O Governador Romeu Zema (Novo) se reuniu, nesta sexta-feira, com o ministro do Meio Ambiente, Joaquim Leite. O objetivo é agilizar o processo de reparação e recuperação da região atingida pelo mar de lama. 

O rompimento da barragem de Fundão, aconteceu em novembro de 2015. A lama de rejeitos matou 19 pessoas, destruiu distritos, e provocou a maior tragédia ambiental do país. O Rio Doce foi atingido e a poluição chegou até o Espírito Santo. 

 “Depois de seis anos, pouca coisa foi resolvida. Desta vez, tenho certeza que com o comprometimento dos governos dos dois Estados e também do governo federal vamos avançar e caminhar para uma solução. O que temos deixado muito claro é que não é um acordo que estamos fazendo para distribuir recursos, e sim para distribuir obrigações. Queremos investimentos principalmente no saneamento, no meio ambiente, benefícios na ponta. Isso deixa o acordo mais forte, legítimo, simples e objetivo”, afirmou o governador.

Após a reunião, Joaquim Leite e sua comitiva sobrevoaram a área afetada pela tragédia. “O objetivo é recuperar o dano ambiental causado e os serviços do ecossistema que foram interrompidos por esse desastre. Iremos atuar em conjunto para achar uma solução efetiva, que traga de volta a qualidade ambiental que existia antes do rompimento”, complementou o ministro do Meio Ambiente.

Também participaram do encontro Luiz Fernando Bandeira de Melo Filho, do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), a secretária de Estado de Planejamento e Gestão, Luísa Barreto, a secretária de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, Marília Melo, o advogado-geral do Estado, Sérgio Pessoa, o secretário-adjunto de Planejamento e Gestão, Luiz Otávio Milagres, o deputado federal Marcelo Álvaro Antônio, o deputado federal Evair Vieira de Melo (ES), e demais representantes do ministério do Meio Ambiente e da União.

Colunistas

Carregando...

Enquete

Carregando...

Saiba mais