Cidades

  1. Notícias
  2. Cidades
  3. Vítima do rompimento da barragem da Vale, em Brumadinho, é identificada após quase 3 anos
Imagem: Divulgação / Corpo de Bombeiros - MG

Vítima do rompimento da barragem da Vale, em Brumadinho, é identificada após quase 3 anos

A vítima se trata de uma mulher, de 49 anos, que trabalhava no setor de operações da empresa


Por Victor Duarte e Lucas Rage

Mais uma "jóia", como são tratadas as vítimas do crime ambiental da Vale, em Brumadinho, foi identificada pela Polícia Civil nesta quarta-feira (29). O reconhecimento do corpo acontece quase três anos depois do rompimento da barragem de Córrego do Feijão. Esta é a 264ª vítima a ser identificada após a tragédia.

A vítima identificada, conforme a a polícia, se trata de Lecilda de Oliveira, de 49 anos, que trabalhava como analista de operações da Vale. O segmento corpóreo de Lecilda foi encontrado no dia 1º de setembro, pelo Corpo de Bombeiros de Minas Gerais, a identificação da vítima acontece por meio de análise de DNA.

Ao todo, 270 pessoas morreram na tragédia que aconteceu dia 25 de janeiro de 2019. Seis vítimas ainda não foram localizadas. 

Colunistas

Carregando...

Enquete

Carregando...

Saiba mais