Carregando...

Economia

Imagem: Reprodução/98live

"Queremos sensibilizar o presidente", diz responsável pela Abrasel ao defender volta do horário de verão

Informação foi divulgada pelo presidente da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel), Paulo Solmucci. Pedido formal será enviado ao presidente Jair Bolsonaro ainda nesta quarta-feira

Por Victor Duarte

Empresários do setor de alimentação, turismo e entretenimento querem a volta do horário de verão. Um pedido para que a medida seja novamente adotada no Brasil será entregue ao presidente Jair Bolsonaro nesta quarta-feira. A informação foi divulgada pelo presidente da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel), Paulo Solmucci

Em entrevista ao Central 98, Solmucci afirmou que a medida é importante para a retomada dos comércios e para amenizar a crise hídrica e energética que o país atravessa. 

"Estamos tentando sensibilizar o presidente da República, porque a decisão de cancelar foi tomada no início do mandato dele. As circunstâncias mudaram e a gente vive hoje um momento em que qualquer economia de energia é positiva para o país e qualquer faturamento adicional é importante para o nosso setor", disse.

O presidente da Abrasel informou que, mesmo com a volta da presença do público em bares e restaurantes, 37% das empresas ainda operam com prejuízos e 54% estão com contas em atraso. Ele disse que o aumento na conta de energia pode refletir no preço repassado ao consumidor. 

"Nos estamos pressionados por uma inflação brutal de alimentos. No ano passado, o setor sofreu com uma inflação de 15% e conseguiu repassar 4,9%. Este ano já estamos com mais 20% de inflação nos nossos itens de cardápio e estamos repassando isso aos poucos", afirmou.

Solmucci acredita que além da questão da alta na eletricidade, o aumento no preço da gasolina também pode afetar os preços no cardápio. 

"O valor da energia é um ponto que vai pressionando nossa estrutura de custos. A gasolina sobe e acaba impactando em todos os produtos e serviços, inclusive no delivery", informou.

Horário de Verão

O horário de verão foi criado em 1931 mas acabou sendo revogado em 1968. No ano de 1985, a medida foi novamente colocada em prática e seguia sem interrupção até 2019, quando foi extinto pelo presidente Jair Bolsonaro.


Enquete

Carregando...

Colunistas

Carregando...

Podcasts

Carregando...

Saiba mais