Carregando...

Economia

Imagem: Metha Energia / Reprodução

Sim, é possível reduzir sua conta de luz em até 15%

Saiba como dar um drible na inflação, sem enganação

Notícias

Samuel Barbi

Especialista em economia, entra ao ar às segundas-feiras com a coluna MundoZFundos, no RádioCast 98


A crise hídrica e o necessário acionamento das termelétricas, que geram energia mais cara e nociva ao meio ambiente, foram responsáveis pelo aumento de 20,1% nas contas de luz nos últimos 12 meses. Esse aumento foi bastante sentido pelo consumidor, que tem buscado formas para aliviar o orçamento dos aumentos generalizados nos preços de produtos e serviços no Brasil.

Vou te contar um “segredo” que pode fazer o valor da sua conta cair em até 15% a partir do mês que vem. Sem custos, sem obras, sem instalação de equipamentos. Você só precisa de alguns cliques. Tem coisas que parecem boas demais para serem verdade, mas essa informação é excelente e ao mesmo tempo real.

Estou falando da Metha Energia, empresa que sou consumidor há quase 3 anos e já me fez economizar cerca de R$ 700,00 nesse período. No último ano foram R$ 226,70 que não saíram do meu bolso, quase R$ 20 por mês sobre minha conta de luz que custa aproximadamente R$180,00

E por que a Metha Energia pagaria uma parte da minha conta de luz?

A Metha tem parceiros que geram energia espalhados pelo Brasil. Energia mais barata, limpa e renovável, especialmente provenientes do sol, vento, água e matérias em decomposição (biogás). A empresa faz o meio de campo entre a geração dessa energia e o consumidor final. A energia gerada pelos parceiros é injetada na rede da concessionária local, a qual recompensa em forma de créditos de energia. A Metha usa os créditos para fornecer o desconto de até 15% em sua conta de luz.

Preciso pagar algo por isso?

Custa zero reais! Você apenas tem que pagar sua conta mensal, já com o desconto.

Tem que fazer obra ou instalar alguma coisa?

Não precisa modificar nada em sua casa ou negócio. Nenhum tipo de obra a fazer ou aparelho a instalar.

Quem pode ser cliente?

Qualquer pessoa física cliente da Cemig ou Energisa-MG e que seja titular de uma conta de luz nas categorias residencial ou comercial.

Como fica meu boleto com a concessionária?

Você passa a receber o boleto da Metha em vez do da CEMIG ou Energisa-MG. Ou seja, não precisa mais pagar a fatura da sua concessionária, porque a empresa se encarrega de fazer esse repasse por você compensando sua conta com os créditos de energia.

Aliás, nesses quase três anos como cliente, sempre fui muito bem atendido. Resolveram todas as minhas dúvidas sem chateação nem burocracia, em contatos rápidos por e-mail e WhatsApp.

O desconto é de até 15%, como ele é calculado?

O desconto é calculado sobre a quantidade de créditos de energia que a Metha envia mensalmente de acordo com seu padrão de consumo e geração de energia por parte dos parceiros. Se o seu consumo em determinado mês foi de 200 kWh e a energia injetada pelos parceiros, baseada no seu padrão de consumo, foi de 150 kWh, o desconto de 15% será aplicado sobre os 150 kWh e os outros 50 kWh serão cobrados com o valor integral. Além disso, não é possível aplicar nenhum tipo de desconto sobre encargos como taxa de iluminação pública, doações, etc. Lá em casa, o desconto final varia entre 11 e 12% do valor total da conta.

O serviço da Metha Energia é legalizado?

Fique tranquilo! A empresa está em conformidade com a normatização da ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica) e segue as exigências das distribuidoras de energia.

O que fazer para ter o desconto?

São apenas 3 passos para driblar a inflação deste ano em relação a sua conta de luz, sem enganação:

1.   Acesse o site www.methaenergia.com.br

2.   Realize um rápido cadastro

3.   Assine o contrato, em um processo totalmente online, sem burocracias

Criada em 2017, em pouco tempo, a Metha é um claro exemplo do que escrevi na semana passada sobre investimentos para mudar o mundo. Uma joia do nosso estado que deve ser reconhecida pelo bem que faz a seus já mais de 75 mil clientes e para nosso planeta. 

* Esta coluna tem caráter opinativo e não reflete o posicionamento do grupo.
Enquete

Carregando...

Colunistas

Carregando...

Podcasts

Carregando...

Saiba mais